Vai preparar peixe? Confira as vantagens e desvantagens de cada receita

Saiba quais os prós e contras de cada tipo de receita

melhor forma de preparar peixe
Por Victor Moura - 29/03/2018

Foto: iStock/Getty Images

São várias as espécies de peixes que podem ser consumidas, rendendo inúmeras preparações diferentes. Assim, fica fácil variar durante a semana ou de pensar em receitas em datas especiais, como a Sexta-Feira Santa. Mas a preocupação com a melhor forma de preparar peixe vai além do sabor: o ideal é ficar atento à adição de gorduras e perda de nutrientes, entre outros tópicos. “O melhor é optar por cozidos, grelhados, assados ou ensopados, e evitar preparações fritas ou à milanesa”, informa a nutricionista Paula Galardo.

Confira as vantagens e desvantagens de cada forma de preparar peixe:

Ficou com vontade de preparar peixe para o almoço ou jantar de hoje? Confira algumas diquinhas para escolher o peixe na hora da compra:

  • A carne do peixe precisa estar firme e seca;
  • Os olhos dos peixes devem estar brilhantes. Olhos opacos indicam que a carne não está tão fresca assim;
  • Se a carne do bacalhau estiver úmida, pode ser que ela não seja fresca e já tenha sido congelada antes;
  • Não compre o bacalhau se ele estiver avermelhado ou com um pó fino e cinzento ao redor;
  • Fendas profundas na carne ou aspecto pegajoso são sinais de que o peixe não é fresco.

 

LEIA TAMBÉM