Como fazer tapioca colorida? Veja como usar vegetais na preparação!

Use beterraba, espinafre e laranja no preparo e deixe sua tapioca colorida, com mais sabor e muitas vitaminas

tapioca
Além do suco da beterraba, é possível adicionar chia na massa. Foto: Shutterstock

O truque para ter uma tapioca colorida é simples: basta utilizar sucos na hora de preparar a massa. “Além de manter o valor nutritivo desse alimento e os carboidratos que conferem energia ao organismo, ao hidratar a tapioca com essas bebidas, você pode incrementar a preparação com as vitaminas provenientes dos ingredientes dos sucos, sem contar que ela pode ficar mais atrativa, especialmente para crianças”, sugere a nutricionista Flavia Figueiredo.

tapioca

Além do suco da beterraba, é possível adicionar chia na massa e deixar sua receita ica em fibras. Foto: Shutterstock

Mas, afinal, qualquer alimento pode servir de base para deixar a tapioca com outra coloração? Partindo da ideia de que você utiliza sucos para mudar o tom da tapioca, a resposta é positiva. Entretanto, existem alguns ingredientes que são tidos como queridinhos na hora de “tingir” sua refeição. A seguir, você conhece um pouco mais sobre eles!

Faça em casa!

Escolha o vegetal de sua preferência (couve, espinafre, beterraba ou cenoura) e bata com água em um processador até que fique com consistência de suco. Coe somente o excesso e reserve. Em uma tigela, coloque a quantidade de polvilho doce e hidrate até que não grude nas mãos e se quebre ao toque. Passe a goma hidratada em uma peneira em cima de uma frigideira e espere dar liga antes de rechear, depois dobre a tapioca e sirva.

Laranja antioxidante

Para deixar a tapioca alaranjada, aposte sem medo no suco de cenoura. Além de conseguir uma coloração alegre, você ainda turbina a quantidade de vitaminas e minerais da sua receita, já que a cenoura é um vegetal rico em antioxidantes, vitaminas e fibras. “Os antioxidantes ajudam a combater o estresse do dia a dia, que leva ao envelhecimento de nossas células e facilita o aparecimento de doenças. A cenoura ainda possui excelente quantidade de betacaroteno, nutriente que é convertido em vitamina A dentro de nosso organismo, a qual tem fundamental importância em nossa visão, pele, mucosas, ossos, cabelo e sistema imunológico”, esclarece a nutricionista Luana Vasconcelos.

Rosa: mix de vitaminas e nutrientes

Essa cor é advinda da beterraba, que possui sabor adocicado e contém alta concentração de carboidratos. “Esse legume é rico em folato e vitamina C. Já as suas folhas são fontes de cálcio, ferro, vitamina C e betacaroteno. Então, é bom associar o consumo das folhas ao da beterraba.

 

Verde: ação detox poderosa

A cor esverdeada mais forte é advinda da água de cozimento do espinafre. Essa verdura é rica em ácido fólico, que também é conhecido como vitamina B9. O nutriente participa da formação dos genes e garante que a divisão celular aconteça corretamente.

tapioca colorida

Além do espinafre, é possível colocar couve e outros legumes para deixar a tapioca verde. Foto: Shutterstock

Por isso, é de grande importância mulheres grávidas consumirem o alimento. Além disso, o espinafre é uma boa fonte de carotenoides, entre eles a luteína, zeaxantina e o betacaroteno, precursor da vitamina A. São substâncias antioxidantes que protegem as células da ação dos radicais livres, responsáveis pelo envelhecimento precoce e surgimento de tumores. Para fazer a tapioca verde, a nutricionista Ângela Cardoso indica cozinhar a verdura em água fervente por 3 minutos.

 

LEIA TAMBÉM: