Sardinha: conheça 4 benefícios desse peixe rico em ômega-3

Dentre os peixes em geral, a sardinha é um dos mais ricos em ômega-3, nutriente capaz de proteger a saúde de várias maneiras. Vem saber mais!

A sardinha é rica em ômega-3 e, por isso, afasta diversas doenças e turbina a saúde.
A sardinha é rica em ômega-3 e, por isso, afasta diversas doenças e turbina a saúde. Foto Reprodução

Incluir peixe no cardápio é sinônimo de mais saúde! A grande presença de ômega-3 é o principal motivo desse alimento estar na lista dos funcionais. “As maiores fontes de ômega-3 são os peixes de águas frias e profundas, como salmão, atum, bacalhau, arenque, cavalinha, sardinha e truta”, reforça a nutricionista Paula Galardo. Esse nutriente é encontrado na camada de gordura boa desses animais, como uma proteção contra o frio. “O mais importante de uma alimentação saudável é o equilíbrio, com o consumo de peixes variados, como a sardinha, de 2 a 3 vezes por semana”, reforça a nutricionista. A seguir, descubra 4 benefícios de acrescentar a sardinha ao dia a dia!

1. Protege o coração

Aveia, alho, azeite, linhaça, vinho tinto, oleaginosas… Esses são alguns dos alimentos mais indicados para a saúde cardíaca, além dos peixes de água fria, como a sardinha. “Entre as vantagens do pescado está a redução de triglicérides, da pressão arterial e inibição da formação de coágulos”, informa a nutricionista Danielle Toledo. Pesquisas têm associado o consumo de peixes com a diminuição do risco de infarto, uma delas demonstrou que o consumo de peixes gordos uma vez por semana reduziu em 44% a chance de sofrer desse problema.

A sardinha pode ser preparada de formas variadas e servida com diversos acompanhamentos.

A sardinha pode ser preparada de formas variadas e servida com diversos acompanhamentos. Foto Claudio Meletti/Colaborador

2. É bom para os diabéticos

A atuação do hormônio insulina é aperfeiçoada com a ajuda do ômega-3, encontrado em doses generosas no peixe. Isso facilita a conversão de açúcar em energia e torna fontes desse ácido graxo aliadas dos diabéticos.

3. Previne o câncer

“Vários estudos mostram a redução do risco de diversos tumores, como de mama, próstata e cólon, em pessoas que consomem peixe pelo menos duas vezes por semana”, ressalta a nutricionista Greice Caroline Baggio. Comer pescado com frequência pode reduzir em até três vezes os riscos de câncer de próstata, por exemplo.

4. Contém diversos minerais

Em 100g de sardinha é possível encontrar mais de 400mg de cálcio, o que equivale a um terço da necessidade diária para um adulto. O cálcio é indispensável para a formação de ossos e dentes. “Os peixes também são fontes de ferro, sódio, potássio, magnésio, fósforo, iodo, flúor, selênio, manganês, cobalto”, enumera Paula. Esses nutrientes são indispensáveis para o corpo em geral.

 

Consultoria Danielle Toledo, Greice Caroline Baggio e Paula Galardo, nutricionistas

 

LEIA TAMBÉM: