Salão em casa: conheça 4 tratamentos essenciais para os fios!

Descubra como é possível fazer tratamentos de salão em casa e o que cada um traz de benefício

mulher no banho passando creme no cabelo
Por Juliana Borges - 05/10/2018

Foto: Shutterstock.com

Que os cabelos precisam ser hidratados com frequência, toda mulher sabe. Mas, hoje em dia, os salões possuem tantos tratamentos para os fios que acaba sendo difícil escolher um deles e, principalmente, saber qual é o mais indicado para as próprias madeixas. Tanto que nem sempre a solução é optar pelo procedimento mais “poderoso“ só porque ele promete deixar a cabeleira maravilhosa. O diagnóstico é muito importante para se descobrir qual é a deficiência do cabelo e, assim, saber a necessidade dele. Para ajudá-la nessa tarefa, selecionamos, junto com o hairstylist Tiago Parente e a cabeleireira e especialista em terapia capilar Paula Escobar, do salão Espaço VIP, do Rio de Janeiro, as técnicas mais comuns e eficazes para você fazer tratamentos de salão em casa.

Cauterização

O que é: procedimento no qual as cutículas dos fios são seladas após receberem uma carga de queratina, aminoácidos ou outras proteínas (dependendo da condição do fio).
Indicação: cabelos extremamente porosos, danificados e com frizz.
Resultado: o procedimento devolve a uniformidade do fio. Inclusive, há uma redução de volume e do frizz devido ao realinhamento da fibra capilar.
Frequência: cabelos extremamente danificados podem receber a cauterização quinzenalmente. Caso contrário, o tratamento deve ser feito apenas uma vez por mês.
Saiba mais: o intervalo mínimo de 15 dias entre uma aplicação e outra deve ser respeitado. O excesso de queratina no cabelo, por exemplo, pode enrijecer o fio e causar até a quebra.

Argiloterapia

O que é: tratamento natural feito à base de argila (rica em sais minerais).
Indicação: principalmente para cabelos oleosos, com caspa e seborreia.
Resultado: promove limpeza profunda nos fios, equilibra a oleosidade, revigora e dá brilho às madeixas.
Frequência: o tratamento dura de 10 a 12 sessões e pode ser feito uma vez por semana.
Saiba mais: os fios secos também podem receber o tratamento, desde que misturado a cremes

Nanoqueratinização

O que é: processo no qual são introduzidas nos fios nanomoléculas de queratina.
Indicação: cabelos fragilizados, principalmente por químicas muito agressivas, como a descoloração.
Resultado: o fio ganha mais resistência e diminui-se a incidência de quebra. Além disso, o tratamento valoriza o cabelo e promove brilho intenso.
Frequência: deve-se manter um intervalo de no mínimo 15 dias entre uma aplicação e outra.
Saiba mais: a diferença entre os dois tratamentos para os fios – a cauterização à base de queratina e a nanoqueratinização – é a forma como essa proteína é aplicada no fio. No caso da cauterização, a queratina é aplicada diretamente sobre o cabelo. Já na nanoqueratinização, ela é pulverizada nas madeixas.

Aromaterapia

O que é: tratamento feito à base de óleos essenciais.
Indicação: para cada cabelo é recomendado um tipo (ou uma combinação) dos 11 óleos existentes. A vantagem desse procedimento é que ele pode ser feito em qualquer cabelo.
Resultado: dependendo do óleo escolhido, o tratamento pode ter função bactericida, antiqueda, entre outras coisas.
Frequência: pode ser usado até diariamente, já que uma das formas de aplicação é acrescentar algumas gotas dos óleos ao shampoo do dia-adia.
Saiba mais: para saber qual tipo de óleo é indicado para o seu fio, procure a ajuda de um profissional.

Salão em casa: cuidados básicos com os cabelos

 Quer ter resultados de salão em casa? Então molhe bem os cabelos antes de passar o shampoo nos fios para que o produto consiga agir com eficência, eliminando todos os resíduos.
Em geral, a quantidade de shampoo que deve ser usada é equivalente ao tamanho de uma moeda de R$ 0,25.
Espalhe o produto nas mãos e dê leves “batidinhas” pela cabeça para distribui-lo melhor pelos fios.
 Para ter a lavagem de salão em casa, você deve massagear com as pontas dos dedos o couro cabeludo em movimentos circulares, pressionando no centro e atrás das orelhas. Como esses são pontos de tensão, você consegue promover um gostoso relaxamento enquanto higieniza os fios.

Texto: Natália Ortega e Fátima Telles/Colaboradora

LEIA TAMBÉM