3 receitas de farinhas sem glúten para você acrescentar ao dia a dia

Aprenda a fazer esses ingredientes e ganhe mais saúde, já!

Aprenda a preparar receitas de farinhas sem glúten e deixe sua saúde protegida!
Aprenda a preparar receitas de farinhas sem glúten e deixe sua saúde protegida! FOTO Shutterstock

Quando uma pessoa se descobre portadora da doença celíaca, uma das principais preocupações passa a ser em relação à alimentação, uma vez que os ingredientes que trazem o glúten em sua composição precisam ser excluídos do cardápio, a fim de garantir bem-estar. Com isso, pães, bolos e diversos outros alimentos são eliminados do dia a dia. Entretanto, o que muitos não sabem, é que é possível continuar consumindo esses produtos, desde que sejam feitas algumas adaptações. Pensando nisso, selecionamos opções de receitas de farinhas sem glúten que permitem afastar de vez a farinha de trigo do seu dia a dia.

Afinal, o que é o glúten?

Ele é a proteína do trigo, que se divide em duas porções: gliadina (que está relacionada à doença celíaca) e a glutenina. Os alimentos que contêm glúten são todos aqueles que podem ser feitos com trigo, cevada, malte, aveia ou centeio, como bolachas, bolos, biscoitos, pães, torradas, cervejas e qualquer massa que leve farinha de trigo.

Tornou-se comum ouvir falar sobre a doença celíaca. O que é esse problema?

É uma doença autoimune que atinge o intestino delgado, causando inflamação crônica. “Acontece uma reação intestinal quando entra em contato com uma proteína presente no glúten”, esclarece a endocrinologista Lúcia Flávia Carpilovsky. Ela pode se manifestar de forma grave, moderada ou leve, sendo que os sintomas principais são diarreia clara e fétida, dor abdominal e inchaço. Além disso, também podem haver períodos de obstipação intestinal e cansaço. Por isso, quem sofre com a doença celíaca, precisa conhecer receitas de farinhas sem glúten para evitar os sintomas que a substância causa.

Consultoria Lúcia Flávia Carpilovsky, endocrinologista

 

LEIA TAMBÉM: