Diferentes tipos

Descubra em qual o seu se encaixa!

Por Laís Modelli - 13/10/2011

Casal

Foto: Thinkstock_e_Getty_Images

Hoje, um relacionamento amoroso não se resume mais aos tradicionais namoro –noivado – casamento. Assim como existem casais que ainda preferem estes tipos de status social, também existem pessoas que escolhem manter outro tipo de laço com seus parceiros. Por isso, listamos alguns desses outros tipos de relacionamentos. Quem sabe você não esteja tendo um deles e nem se deu conta?

Relacionamento aberto
É o tipo de relacionamento em que os parceiros são livres para se relacionarem com outras pessoas. A questão aqui não é bem fidelidade, á algo mais próximo à lealdade. Cada relacionamento aberto tem as suas características próprias: existem casais que não querem saber quem ou o quê o parceiro fez fora do compromisso, enquanto alguns casais que têm como acordo um contar para o outro suas experiências extraconjugais.

Poliamorismo
Com o significado de “amores múltiplos”, poliamor é parecido com a dinâmica de um relacionamento aberto, mas aqui os parceiros são livres para ter quantos relacionamentos quiserem ao mesmo tempo. Um só homem, por exemplo, pode ter duas parceiras fixas e vice e versa, desde que todas as partes envolvidas concordem com essa relação. O objetivo aqui não é meramente sexual, mas sim desenvolver relações íntimas e profundas com todas as pessoas.

Namoro virtual
É aquele relacionamento em que o contato do casal é exclusivamente pela internet. Geralmente são pessoas que se conheceram em redes sociais ou sites de namoro. Em muitos casos, o casal não se conhece pessoalmente, só por fotos, vídeos e chats, e nem pretendem levar.

Casual
O casal não tem compromisso um com o outro, mas todas as vezes que se encontram em festas ou baladas, eles “ficam”. Aqui, um é livre para ligar para o outro e chamar para sair, mas os dois são livres para ficarem com outras pessoas. Para as coisas fluírem, cenas de ciúme não podem existir entre esse par.

Amizade colorida
O limite nesse tipo de relação é algo bem subjetivo: os dois são amigos, costumam se encontrar com frequência, mas às vezes eles têm algo a mais. Sem um compromisso sério, eles ficam quando querem, mas sem deixar que o momento interfira na amizade.

Amor vai-e-volta
A relação nesse caso é mais complexa: o casal já namorou várias vezes, mas vivem terminando e voltando logo em seguida. Ou seja, um está sempre enrolado com o outro. Confira a matéria que fizemos sobre o tema!

“Namoridos”
Cada vez mais comum, é o tipo de relacionamento em que o casal divide o mesmo teto e as mesmas obrigações, mas sem serem casados. O Guia Astral já fez uma matéria e um teste sobre esse tipo de relacionamento, vale a pena acessar! —Casar ou Morar Juntos?Teste