Connect with us

O que você está procurando?

Alto Astral
Vazar nudes deve se tornar crime qualificado como violência contra a mulher; projeto de lei foi aprovado ontem pela Câmara dos Deputados; saiba o que muda!
- Imagem em estilo pop art de uma mulher morena com o dedo na boca e um balão com uma expressão de silêncio

Vazar ‘nudes’ na internet está um passo mais perto de ser considerado crime

Vazar nudes deve se tornar crime qualificado como violência contra a mulher; projeto de lei foi aprovado ontem pela Câmara dos Deputados; saiba o que muda!

[PAGE TITLE]

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou, nesta terça-feira (21.02), o projeto de lei do deputado João Arruda (PMDB-PR), em conjunto com a deputada Tia Eron (PRB-BA), que busca classificar o ato de vazar nudes (fotos íntimas) como violência doméstica e familiar.

O texto aprovado, apresentado pela deputada Laura Carneiro (PMDB-RJ), passa a enquadrar a chamada “vingança virtual” na Lei Maria da Penha e engloba todo o material obtido a partir de relações domésticas, coabitação ou hospitalidade.

Imagem da deputada Laura Carneiro discursando na Câmara sobre vazar nudes com uma bandeira do Brasil ao fundo

Laura Carneiro discursa sobre uma legislação mais decente para todas as pessoas/ Foto: reprodução Câmara dos Deputados/Luís Macedo

Como é hoje

Atualmente, crimes desse caráter são categorizados como injúria ou difamação e, no caso da invasão de algum dispositivo conectado à internet, são inseridos na Lei Carolina Dieckmann e com pena de reclusão de seis meses a 2 anos e aumento de um a dois terços quando houver a divulgação a terceiros do conteúdo obtido.

João Arruda comentou que a ideia do projeto veio do pedido de uma jornalista do Paraná, Rose Leonel, que teve fotos íntimas divulgadas na internet pelo ex-noivo, em 2005. Cinco anos depois, Rose ganhou a causa, mas o culpado pelo crime foi condenado somente ao pagamento de indenização.

Penalidade aos culpados

Segundo Tia Eron, “quase 65% das mulheres se permitiram ser filmadas na sua intimidade e muitas tiveram essas imagens divulgadas”.

Se aprovada pelo Senado e sancionada pelo presidente Michel Temer, a pena para quem publicar dados pessoais, vídeos, áudios, montagens, fotos e vazar nudes “obtidos no âmbito das relações domésticas, de coabitação ou hospitalidade”, ou seja, sem autorização, pela internet ou outro meio, será de três meses a um ano, além de multa.

A deputada Laura Carneiro acrescentou que o projeto “é a redenção de mulheres e homens na internet e mostra como é fácil produzir uma legislação decente que ajuda as pessoas”.

LEIA TAMBÉM

 

 

Advertisement
Advertisement

Mais notícias interessantes como essa

Notícias

Esse papo de benefício está te deixando com dúvidas? As respostas sobre FGTS que você precisa saber para entender tudo e receber essa grana numa boa!

Notícias

Site da Receita Federal liberou nesta quinta-feira (23) o download do programa do Imposto de Renda 2017. Tire suas dúvidas sobre a declaração e programe-se!

Notícias

Os desfiles das escolas de samba de SP começam nessa sexta-feira (24) e você não quer perder nada, não é mesmo? Confira a ordem e horário do Carnaval 2017

Notícias

Goleiro Bruno, preso sob acusação de ter matado Eliza Samudio, tem liberdade provisória decretada; relembre outros casos de crimes bárbaros contra mulher

Notícias

A segunda noite de desfiles no Carnaval no Rio de foi marcada pela presença de famosos, mas também por acidentes que deixaram feridos

Notícias

Com a liberação do FGTS inativo, dá pra pensar em realizar sonhos e até acertar as continhas. O especialista financeiro te ajuda a investir bem essa grana!

Estilo de vida

Viviane Araújo conta com exclusividade os detalhes sobre o processo de preparação para o Carnaval e dá dicas de treino, alimentação e estética; confira!

Mundo místico

O salmo 114 é especial para aproximar-se de Deus e demonstrar gratidão. Também é indicado para afastar as ondas negativas. Renove sua fé com este salmo.