Conheça os principais nutrientes do limão e seus benefícios para o corpo!

Conheça quais são os principais nutrientes encontrados no limão e seus inúmeros benefícios para a saúde do nosso corpo! Leia mais

Limão
Foto: iStock

Quem nunca ouviu falar que o limão é bom para a gripe? Pois saiba que seus benefícios vão muito além: “A fruta ajuda no combate à ansiedade, depressão e até ao câncer. Atua também como desintoxicante, bactericida, fungicida, alcaliniza o sangue e ativa o sistema imunológico”, explica Thereza Emed, nutricionista da clínica Check-Up, de Curitiba-PR. Listamos para você os principais nutrientes presentes nesta fruta e seus benefícios para a saúde. Confira!

Limão

Foto: iStock.com/Getty Images

Vitamina C

Ela melhora o sistema imunológico, a pele, o humor e evita até o estresse. “Seu consumo aumenta a produção das células que têm a função de combater micro-organismos e estruturas estranhas do corpo. A vitamina C também aumenta os níveis de anticorpos do organismo”, explica Euclésio Bragança, nutrólogo e fundador da Integralmédica.

Ferro

Além de conter o mineral em sua composição, que é fundamental para o armazenamento e transporte de oxigênio dentro das células, o limão colabora para que o ferro de outros alimentos seja melhor absorvido pelo organismo.

Vitaminas do complexo B

Fornecem energia, disposição e auxiliam na redução das taxas de colesterol ruim (LDL).

Cálcio

Tem como principal função a de promover a saúde dos ossos.

Manganês

Protege e age contra a deterioração da estrutura óssea. Além disso, contribui para manter o metabolismo em ordem.

Potássio

Regula a pressão arterial e ajuda a manter a saúde do coração sempre em dia.

Flavonoides

“Repletos de propriedades funcionais, eles ajudam na formação do novo tecido, protegem as paredes dos vasos sanguíneos e combatem o processo inflamatório”, afirma Bragança.

Consultoria: Euclésio Bragança, nutrólogo e fundador da Integralmédica; Thereza Emed, nutricionista da clinica Check-Up, de Curitiba-PR
Fonte: Tabela Brasileira de Composição de Alimentos (TACO), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp)
Texto: Larissa Faria

LEIA TAMBÉM