Golpe do Whatsapp já fez 10 mil vítimas; atente-se para não cair nessa!

Criminosos da internet estão se aproveitando de mais uma situação para aplicar golpes. Entenda as circunstâncias e saiba como se proteger!

golpe do whatsapp
Foto: Divulgação

Novamente os internautas estão nas mãos de criminosos, e desta vez os alvos são os usuários de Whatsapp. Tudo começou quando o aplicativo liberou as chamadas de vídeo, que ainda não estão disponíveis para todos os aparelhos celulares. Com isso, cibercriminosos estão se aproveitando da situação para aplicar um golpe e recolher dados pessoais dos internautas.

golpe do whatsapp

Foto: Divulgação

O golpe funciona da seguinte maneira: por meio do próprio aplicativo, a pessoa recebe um link com uma suposta atualização (falsa), em que é preciso clicar e se cadastrar com diversos dados para, enfim, ter acesso às chamadas de vídeo. Posteriormente, é pedido que a pessoa compartilhe o link com outros amigos. De acordo com a ESET (empresa de segurança que cuida de casos como este), isto está fazendo o número de afetados crescer de forma exponencial – que já chegou na casa das 10 mil vítimas.

Quem se cadastra no link, na verdade está assinando um pacote de SMS Premium que desconta créditos do seu celular ou adiciona um valor à fatura, caso o telefone seja pós pago. Portanto, caso você tenha caído no golpe, a recomendação da ESET é que você entre em contato com a operadora do celular imediatamente para cancelar o pacote.

LEIA TAMBÉM: