Fibromialgia: saiba o que é essa doença e qual é o tratamento!

Fibromialgia é uma síndrome responsável por causar dores musculares pelo corpo. Entenda mais sobre os seus sintomas e tratamento!

Por Denis Eric - 07/10/2016
mulher com dores nas costas

Foto Shutterstock.com

De acordo com informações da Associação Brasileira de Fibromiálgicos (Abrafibro), de 1% a 5% da população mundial sofre com essa síndrome, a qual causa diversos sintomas, como dores musculares, cansaço, indisposição e distúrbios do sono. Atrás apenas da osteoartrite – doença degenerativa que acomete as articulações –, a fibromialgia ocupa o segundo lugar quando se diz respeito às causas mais comuns de dor musculoesquelética crônica, segundo dados da Sociedade Mineira de Reumatologia. Conheça mais sobre essa doença!

 

mulher com dores nas costas

Foto Shutterstock.com

O Que é?

A fibromialgia pode ser caracterizada como uma condição generalizada, crônica e dolorosa, ou seja, é uma dor capaz de atingir várias regiões do corpo. “A ciência costuma dizer que a fibromialgia é uma síndrome com origem desconhecida. É possível analisar a etimologia da palavra, sendo que ‘algia’ significa dor, enquanto ‘fibro’ (no prefixo) refere-se às fibras musculares. Ou seja, são dores nas fibras musculares”, explica João Carlos Baldan, acupunturista e especialista em psicopatologia.

Razões para o surgimento

Os especialistas não conseguiram descobrir os motivos que facilitam ou ocasionam essa síndrome. Contudo, sabe-se que os índices de serotonina – hormônio responsável pela sensação de bem-estar – são menores nos portadores da fibromialgia. Além disso, é possível que fatores como estresse, tensão e desequilíbrio hormonal estejam diretamente relacionados ao desenvolvimento da síndrome. “Sempre levamos em consideração, em toda patologia, que a mente e a emoção interferem diretamente nas questões orgânicas e viscerais da pessoa”, acrescenta o profissional. Dessa forma, diferentes razões, isoladas ou até mesmo combinadas, podem favorecer as manifestações da fibromialgia.

Leia também: 

O que eu tenho?

Ainda não existem exames laboratoriais que contribuam para a realização do diagnóstico. Dessa forma, é necessário que o médico responsável pelo paciente consiga identificar os ponto de dor para, assim, chegar a uma conclusão mais precisa. Ou seja, o diagnóstico ainda é difícil e demorado, sendo preciso fazer uma avalização clínica.

acupuntura

Foto Shutterstock

Aliados importantes

No caso da fibromialgia, a acupuntura traz ótimos resultados, ainda mais se combinada com medicamentos e massagens. “Dependendo do estágio da doença, a massagem pode ser indicada, uma vez que se as fibras estiverem muito inflamadas, o massageamento auxilia. Já o processo por agulhamento, como prevê um reequilíbrio da pessoa como um todo, sempre é benéfico, sem contar que se pode tratar localmente a inflamação com fins analgésicos, retirando a dor”, afirma João Carlos.

Consultoria João Carlos Baldan, acupunturista e especialista em psicopatologia