Exercícios de jump modelam a silhueta!

Os exercícios de jump são feitos em mini-trampolins e, além de serem divertidos, possuem alto gasto calórico. Invista nessa modalidade!

mulher fazendo exercícios de jump
Foto: Shutterstock.com

Salte para a boa forma! A combinação de músicas contagiantes, coreografias simples, e tudo isso em cima de um mini-trampolim, torna a aula de Power Jump uma energizante forma de perder peso. Condicionamento físico, melhora da postura e do alto gasto calórico são os principais benefícios dos exercícios de jump. Uma aula de 60 minutos, por exemplo, oferece um gasto calórico de 400 a 700kcal. Durante a prática, são realizados movimentos simples e, ao mesmo tempo, dinâmicos, que misturam muita diversão, mas sempre com segurança. Outras vantagens para o corpo são: melhora da condição cardiovascular e das habilidades motoras; aumento da concentração e do equilíbrio corporal; maior força muscular dos membros inferiores (músculos das pernas). Por se tratar de uma atividade de alta contração dos membros inferiores, ocorre uma forte estimulação do sistema linfático (a drenagem é o tratamento), auxiliando no combate à celulite. Porém, para esse objetivo a modalidade deve ser combinada com alimentação balanceada, visando potencializar os resultados.

mulher fazendo exercícios de jump

Foto: Shutterstock.com

Dicas básicas para exercícios de jump

Os exercícios sobre o equipamento pedem o uso de tênis com solados baixos e iguais em toda sua plataforma. É indicado para as mulheres o uso de tops de lycra ou material similar reforçado e para os homens sungas ou shorts com suporte extra. É necessária uma adaptação por parte do aluno, estimada hoje em duas semanas, praticando 3 vezes por semana. Da primeira aula para a segunda já são observadas significativas evoluções. Procure a academia licenciada Body Systems mais próxima que ofereça a modalidade com profissionais bem preparados e perceba os resultados em pouco tempo.

SAIBA MAIS

Qual é o melhor exercício para cada idade?

Qual meu tipo de barriga e o que fazer para diminui-la?

5 hábitos que estragam as dietas!

Atenção!

É contraindicada para gestantes e pessoas com doenças cardíacas. Vale lembrar a recomendação de, antes de iniciar qualquer atividade física, sempre procurar um médico para realizar uma avaliação e autorizar a prática. A visita ao médico é indispensável para quem possui labirintite não medicada, qualquer tipo de hérnia ou patologia vertebral e problemas nas articulações do quadril, joelho e tornozelo.

Texto: Lara Vendramini/Colaboradora |  Fonte: www.bodysystems.net