Entrevista com Herson Capri

Avalie

Apesar de todas as maldades de Cortez, a abordagem dos fãs acontece sempre de forma carinhosa

Mesmo dando vida ao grande vilão Cortez, Herson Capri é tão admirado pelos fãs quanto os mocinhos de Insensato Coração. Surpreso com tamanha repercussão do personagem, ele entrega que ainda vai aprontar muitas no ar. Confira a entrevista:
 
Entrevista com Herson CapriGuia da TV: Ao saber que você daria vida ao empresário Cortez, como você procurou compor o personagem?
 
Herson: O Cortez é muito bem escrito. É um personagem bem estruturado e coerente no seu péssimo caráter. Procurei o tempo todo corresponder àquilo que me parecia que os autores desejavam passar para o público com o Cortez e me concentrei em ressaltar as contradições dele.

Guia da TV: Como tem sido a abordagem dos fãs nas ruas? O que eles falam?
 
Herson: Olha, são sempre muito simpáticos, eles comentam o meu trabalho, brincam com as safadezas do Cortez, alguns torciam pra ele “pegar” a Natalie, outros alertam para tomar cuidado com o Wagner, depois com o Henrique e agora com a Clarice. É divertido.

Guia da TV: A Natalie corre algum risco ao se casar com o banqueiro? Ele realmente gosta dela?
 
Herson: Ele gosta muito da Natalie e acho que está totalmente envolvido com ela. Se ela corre riscos com ele? Bem, qualquer uma correria riscos estando com o Cortez. Só precisamos esperar pra ver se esse fascínio do Cortez vai até o ponto de livrar a cara dela ou não. Mas também, afinal, ela não é uma “piriguete”?
 
Guia da TV: Como o Rafa vai reagir ao saber que o pai está envolvido com Natalie?
 
Herson: Mal, muito mal. Aguardem!
 

Saiba mais sobre Herson Capri

O ator respondeu às perguntas pessoais que queríamos saber. Veja:
 
Ídolo: Charles Chaplin, John Lennon, Chico Buarque
 
Música: O Que Será? (Chico) e Jealous Guy (John)
 
Filme preferido: O Gosto dos Outros (Agnès Jaoui)
 
Qualidades e defeitos: Carinhoso e fiel. O defeito é ser exigente e rigoroso demais.
 
Manias: Não assistir às minhas cenas. Fico paranóico.
 
Prato preferido: massas.
 
Melhor programa para o Dia dos Namorados: Um bom jantar, um bom vinho, um bom papo e uma boa noite de amor.

Texto: Larissa Faria
Entrevista: Márcio Mello
Foto: Alex Carvalho/Divulg/TV Globo

Mais lidas