Sexo de A a Z

Avalie

Até mesmo as pessoas mais experientes no sexo, algumas vezes, podem ter certas dúvidas sobre o assunto. Por isso, preparamos uma pequena lista com algumas palavras e seus significados para que você curta os momentos de intimidade de A a Z.

Anticoncepcionais: são os métodos utilizados para evitar a gravidez. Os mais conhecidos são a pílula e a camisinha. Porém, como nenhum é totalmente seguro, o melhor é usar os dois juntos. Assim, também poderá evitar as Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs).

Beijos: são muito importantes, pois, além de esquentarem o clima, ainda são uma forma de demonstrar carinho.

Carícias: com os carinhos, é possível descobrir os pontos de prazer (seu e do seu par). Quando feitos antes da transa, aumentam, e muito, o desejo do casal.

casal-beijando-na-cama

Foto: Thinkstock/GettyImages

DSTs: são as doenças transmitidas pelo sexo, por isso, o uso do preservativo em toda relação deve ser obrigatório para evitar as Doenças Sexualmente Transmissíveis.

Espermicida: são substâncias químicas que matam ou imobilizam os espermatozoides. No entanto, tem baixa eficácia e não previne doenças.

Fantasias: são ideias e desejos que podem tirar o sexo da rotina, como novas posições ou lugares diferentes. Aqui, o que vale é usar a criatividade.

Gravidez: para que a gestação ocorra é necessário que o óvulo, liberado uma vez por mês pelas mulheres, seja fecundado por um espermatozóide.

Hímen: é uma pele fina que cobre parcialmente a entrada da vagina e que, geralmente, é rompida com a primeira relação sexual. No entanto, também há casos em que ele se rompe com alguns tipos de masturbação.

Impotência: é a dificuldade do homem de conseguir ou manter uma ereção, e pode ser causada por problemas de saúde, estresse ou insegurança.

Jogo de sedução: também conhecido como o momento da conquista, em que vale apostar no charme e na sensualidade para atrair a atenção de quem deseja.

Kama sutra: livro de origem indiana que ensina diversas posições sexuais.

Libido: é o desejo sexual, uma vontade natural de se entregar ao prazer.

Masturbação: uma boa maneira de conhecer o próprio corpo e de descobrir quais são os pontos de maior prazer.

Nudez: uma das maiores preocupações femininas, que, algumas vezes, impedem as mulheres de ficarem mais à vontade durante o sexo. Para aproveitar o melhor da intimidade com o par, o ideal é não se preocupar com os “defeitinhos” do corpo, como celulite ou estrias.

Orgasmo: também conhecido por “clímax”, é o momento de maior prazer que pode ser alcançado durante a transa ou com a masturbação. Embora dure apenas alguns segundos, proporciona momentos de muita intensidade.

Pílula do dia seguinte: tomada depois de uma relação sexual sem proteção, é um método que previne a gravidez. No entanto, só deve ser usada em situações de emergência, como, por exemplo, quando a camisinha estourar, pois, se ingerida com frequência, pode causar vários problemas para a saúde da mulher.

Quarto: é o ambiente preferido dos casais para uma noite de amor. Mas nada impede que você e o gato experimentem os outros cômodos da casa.

Rapidinha: é a relação sexual que acontece no improviso, quando menos se espera.

Sexo seguro: acontece na transa em que há proteção contra a gravidez e as DSTs, com o uso da camisinha.

Tesão: é a vontade de transar. Para aumentar esse desejo, as carícias antes do sexo são muito importantes.

Uva: se quiser variar no sexo, aposte em camisinhas com sabor, como as de uva ou morango. Também vale levar frutas e outros alimentos para a cama na hora da transa. Aí, é só usar a imaginação.

Voyeurismo: forma de sentir prazer vendo outras pessoas colocando e tirando a roupa ou fazendo sexo, geralmente, escondido, sem que o outro permita ou saiba.

Web: aproveite as facilidades da internet para aprender coisas novas, tirar dúvidas e, até mesmo, enviar aquele e-mail bem provocante para o par.

Xeque-mate: os jogos eróticos podem ser uma ótima forma de deixar o sexo mais estimulante. Durante as preliminares, vale até jogar xadrez e tirar uma parte da roupa a cada peça perdida.

Ylang-ylang: de origem asiática, é uma planta conhecida por ter propriedades afrodisíacas. Na hora da transa, estimule a libido com velas e incensos que tenham essa essência.

Zonas erógenas: regiões do corpo que, quando tocadas, causam excitação. Essas regiões podem variar de pessoa para pessoa. Por isso, é importante conhecer bem o seu corpo e o do seu par para garantir mais satisfação a dois.

Tags: ,

Mais lidas