É só atração: quero tê-lo por uma noite!

Avalie
Homem beijando pescoço de mulher

Foto: Thinkstock e Getty Images

Sabe aquele cara que faz o mesmo caminho que você ou aquele gato que você encontrou uma única noite na balada e passou a povoar os seus pensamentos mais quentes? É disso que estamos falando: de atração física, de desejo. Você não está apaixonada nem quer pedi-lo em namoro, mas daria tudo para ter um momento a sós com ele. O problema é que a história pode se tornar um dilema: e se pintasse a oportunidade de se entregar a esse desejo, você se entregaria? Ninguém melhor que você para conhecer seus sentimentos e seus tabus, mas se mesmo assim estiver em dúvida, confira esses toques.

Tudo por uma noite
1. Antes de se decidir, é preciso pensar com calma quem seria afetado com a sua decisão. Em primeiro lugar, você: pode ser que alguém fique sabendo do acontecido e faça julgamentos sobre o seu comportamento, mas pode ser que isso se torne um doce segredo entre você e o gato e mais ninguém. Se você sente medo ao pensar no que os outros vão falar, caso descubram, talvez precise pensar melhor nas consequências dessa única noite de prazer. Agora, se você não está nem ai para boatos e sabe que se garante, é um sinal de que está bem resolvida com a sua vida sentimental.
2. Sua vergonha e seus tabus não permitem que você tenha algo momentâneo e sem compromisso com uma pessoa. Ok, você deve se respeitar em primeiro lugar, mas será que pensou direitinho sobre o caso e foi honesta consigo mesma? Não estamos falando para saciar qualquer sentimento carnal que venha a sentir por alguém, porém reprimir um desejo tão forte, a ponto de nem considerá-lo, pode ser um forte indício de que a sua vida sentimental esteja muito presa aos seus medos. Isso sem contar que uma única noite não vai definir a sua personalidade e seu comportamento ou transformar você em uma pessoa menos merecedora de um amor verdadeiro no futuro.

Não vale o momento
1. Se você ou ele não forem livres e desimpedidos. Como falamos no primeiro tópico, é preciso pensar quem seria afetado com a sua decisão. Se coloque no lugar da pessoa com quem você se relaciona: como ela se sentiria ao descobrir que você colocou todo o compromisso em jogo para ter uma noite de prazer? Se não quer correr o risco de machucar o seu relacionamento e de colocar tudo a perder, é melhor pensar duas vezes. O mesmo acontece se a outra pessoa for comprometida. Tudo bem, não é você que deve satisfações a respeito para alguém neste caso, mas se coloque no lugar do outro. Se você não gostaria de descobrir que seu namorado dormiu com outra, pense duas vezes antes de ser essa outra, mesmo que só por uma noite.
2. Mesmo que você e ele sejam solteiros e não devam nada a ninguém, ainda é preciso considerar mais um ponto: qual é o perfil do gato com quem você quer se entregar por só uma noite? Preste atenção se ele é do tipo galinha, que conta suas conquistas para todo mundo.

É só atração mesmo?
Cuidado para não confundir atração física com algo mais. Se você topou se entregar por uma só noite para o gato, não vale depois correr atrás dele ou cobrar algo no dia seguinte. Você já sabia qual era a condição daquela noite: ser única! Então, cuidado para não se iludir.

Vale a dica
Não se esqueça que em qualquer relacionamento, seja ele de uma vida ou de uma noite, envolve a vida e os sentimentos de duas pessoas.

Mais lidas