Cuidados com pele e lábios no frio

Avalie
mulher de cachecol e toca

Foto: Ablestock/Keydisc

O clima interfere diretamente na aparência e, com isso, os dias frios fazem com que a pele ganhe um aspecto ressecado, causado pelas baixas temperaturas e pelos ventos. O rosto, que, geralmente, fica bastante exposto, merece cuidados ainda mais especiais. Confira!

 Hidratar e hidratar!

O inverno tem início, oficialmente, no dia 21 de junho, mas os dias frios já aparecem com o outono, que começou no dia 20 de março. Para proteger o corpo das baixas temperaturas, os casacos e blusas são suficientes, mas, com a pele, é preciso atenção. Com os termômetros em queda, a produção de suor do organismo diminui e, assim, a hidratação natural da pele fica comprometida. Para piorar, a mistura de banhos quentes com o clima frio faz com que ocorra um ressecamento ainda maior. Portanto, é preciso de hidratação!

 Os cuidados

Cada vez que sair do banho, não se esqueça de aplicar sobre todo o corpo um creme hidratante de sua preferência. No rosto, é importante o uso de protetor solar durante o dia, pois, mesmo no inverno, os raios solares podem causar danos à saúde e o câncer de pele pode se desenvolver em qualquer estação do ano. Já à noite, o protetor pode ser trocado por um creme hidratante. Também deve-se lembrar dos cuidados com os lábios: caso não goste de usar batons, que acabam funcionando como uma proteção contra o frio, escolha a manteiga de cacau que é essencial para evitar que a boca fique ressecada. E, caso você seja supervaidosa e adore cosméticos, não dispense um creme para as mãos, região que é bastante afetada pelo frio, principalmente quando há o contato diário com produtos de limpeza, como detergentes para louça.

 Por dentro e por fora

Os produtos para pele não são suficientes para garantir uma boa hidratação do organismo, já que eles apenas cuidam da parte externa do corpo. Para que você fique hidratada por completo, adote uma alimentação saudável e que tenha muitas frutas, verduras e legumes em sua composição. Além disso, ingerir muito líquido, como água, sucos e chás, é fundamental.

Texto e pesquisa: Alice Lourenço
Fonte: http://www.sbd.org.br

Mais lidas