Como manter a pele hidratada no inverno

O inverno está cada vez mais próximo. Oficialmente, faltam 4 dias para a estação mais fria do ano! Quem mais sofre com as quedas bruscas de temperatura e a mudança do clima é a nossa pele, que merece atenção e cuidados o ano inteiro, mas estes devem ser intensificados no inverno. Conversamos com a dermatologista Aline Magalhães para saber mais detalhes sobre como manter a pele hidratada. Confira!

Cuidados com a pele no inverno

Foto: Thinkstock/Getty Images

Intensifique os cuidados

Devido à baixa umidade do ar e ao frio, o inverno é um período em que a pele fica naturalmente mais seca. Segundo a dermatologista, o problema costuma ser intensificado com a diminuição da transpiração corporal típica da estação, que acaba por deixar a pele mais sensível. Por isso, tomar alguns cuidados é essencial para manter a saúde e a beleza do corpo:

– Utilize hidratantes corporais constantemente;

– Tome banhos rápidos e preferencialmente mornos;

– Não use buchas, sabonetes esfoliantes ou materiais abrasivos na pele;

– Priorize uma alimentação equilibrada;

– Aumente o consumo de água;

– Mantenha o uso do protetor solar com, no mínimo, fator 30 de proteção.

Peles muito secas

“Quando a pele é muito seca, é necessário um tratamento mais intensivo para evitar que a cútis fique ressecada, craquelada, esbranquiçada ou descamando”, afirma Aline. Produtos com ureia costumam ser indicados nessa ocasião, pois evitam a perda de água e promovem a recuperação do equilíbrio hídrico da pele, auxiliando na hidratação intensiva.

Gestantes

Além da preocupação natural com o ressecamento da pele, mulheres grávidas ainda precisam se preocupar com o aparecimento das estrias. “Para evitá-las, já que este é um problema que atinge cerca de 90% das gestantes, os óleos de amêndoas doces, macadâmia e calêndula são boas indicações por serem ricos em propriedades nutritivas e eficazes”, aconselha a médica.

Crianças

Já a pele dos bebês e das crianças exigem cuidados redobrados por serem mais delicadas e finas, o que facilita a perda de água. Portanto, para que elas se desenvolvam com saúde, é preciso uma hidratação diária com produtos especialmente desenvolvidos para essa faixa etária.

É essencial frisar que, na dúvida de quais produtos comprar e utilizar, o ideal é procurar um médico dermatologista, que irá auxiliar você na escolha.

 

Consultoria: 

Dra. Aline Magalhães, dermatologista e consultora da Biolab Farmacêutica 

www.biolabfarma.com.br

Mais lidas