Quando a paixão é proibida

Avalie
mulher pensativa

Foto: Thinkstock/GettyImages

Às vezes, é impossível controlar o coração e ele acaba se apaixonando por alguém que não deveria. Quando isso ocorre é preciso encontrar o melhor caminho a seguir.

Idade

Se o problema é a diferença entre os dois, talvez a melhor saída seja conversar e colocar na balança os possíveis problemas que isso poderá trazer. Muitas vezes, há um certo preconceito por parte da família e dos amigos. Caso esteja disposta a enfrentar tudo isso, vale a pena arriscar. Se não, parta pra outra!

O professor

Alguns professores são muito gatos, mas é preciso ter cuidado para não confundir as coisas. Na maioria das vezes, essa história nunca dá certo, já que eles seguem a profissão à risca e não dão mole. E eles estão certos, já que podem enfrentar problemas no trabalho e até com a Justiça, ao se envolverem com alguma garota menor de idade. Porém, se for amor de verdade, espere pelo fim das aulas e tente conversar. Caso ele não demonstre interesse desde o primeiro momento, não insista para não criar uma situação chata.

Seu chefe

Se o cara é seu patrão, é melhor ter cautela para não correr o risco de perder o emprego. Muitas vezes eles são casados e criar confusão no local de trabalho não é nada bom, afinal, você pode se prejudicar. Caso ele venha com gracinhas para o seu lado, saiba separar as coisas e não dê mole. Só se envolva se ele estiver apaixonado por você e também for solteiro. Mas não se esqueça que seu trabalho pode estar em jogo!

Cara comprometido

Se o cara namora ou é casado, o melhor a fazer é esquecê-lo. Apesar de prometer mundos e fundos, é raro um homem se separar para viver um amor com outra mulher e, sendo assim, quem vai sofrer é você. Por isso, o melhor a fazer é cair fora, principalmente se o compromisso dele for com alguém de sua família. Manter distância é a melhor solução e, caso ele a procure, deixe claro que, enquanto não se separar, você não irá se envolver.

Você é comprometida

Se estiver apaixonada por outro, pense bem na hora de agir. Não seja impulsiva: avalie se é amor de verdade e se vale a pena. Mas não traia, seja sincera com o parceiro e termine o relacionamento antes de se entregar a outro amor.

Texto: Alice Lourenço

Mais lidas