Decoração em tons escuros

Avalie

Muitas pessoas preferem os tons claros na decoração, mas cores escuras também possuem charme e podem deixar os ambientes bem agradáveis e cheios de conforto. Combinar cores corretamente pode transformar os espaços, deixando-os principalmente sofisticados e diferentes. Veja dicas do arquiteto Thiago Mndoni para quem deseja garantir equilíbrio e evitar ambientes sombrios.

Importância das cores

Escolher as cores das paredes e dos móveis corretamente é muito importante na hora de decorar, já que as cores são responsáveis por provocar diversas sensações, como frio, calor, aumento ou redução dos espaços e, inclusive, repouso e movimento.

sala com paredes escuras

Foto: Daniela Buzzi

Cores mais escuras, da mesma forma que as claras, têm diferenças de matiz – rosadas, avermelhadas, alaranjadas, amareladas, esverdeadas, azuladas – e, portanto, terão efeitos diferentes, de acordo com a tonalidade escolhida.

“De modo geral, quando corretamente utilizadas, conferem um ar nobre aos ambientes, imprimem aconchego e denotam ousadia. Quando a cor escura é uma pintura fosca, ela também cria a sensação de que as superfícies têm um acabamento mais refinado, ligeiramente aveludado. Um projeto com cores escuras não é fácil de resolver e seu sucesso depende muito da confiança do cliente nas sugestões do profissional de arquitetura ou de interiores, pois o resultado só poderá ser apreciado após a finalização completa do ambiente, com móveis, tapetes, luminárias, plantas, decorações e as próprias pessoas usufruindo o espaço”, afirma o arquiteto.

Usando tons escuros na decoração

O arquiteto ainda afirma que em um projeto com tons escuros, o indicado é explorar os contrastes de fundo e figura, isto é, definir quais elementos terão mais destaque e quais agirão como pano de fundo.

“É necessário pontuar o ambiente com elementos claros ou luminosos e escolher corretamente objetos com cores que criem um contraste sutil com o fundo, lembrando sempre que contrastes muito excessivos devem ser reservados a poucos objetos, pois, quando exagerados, empobrecem o efeito da solução do projeto”, afirma.

sala com paredes escuras

Foto: Daniela Buzzi

Quem deseja uma parede escura, pode optar por um conjunto de objetos mais claros. Já quem prefere móveis escuros, pode utilizar objetos decorativos claros ou com materiais mais brilhantes. “Para resolver um projeto nesse estilo é preciso, primeiramente, identificar quais superfícies recebem luz natural e garantir que elas tenham elementos claros o suficiente para refletir luminosidade para o restante do ambiente. Isso permitirá um efeito bem confortável para o olhar”, acrescenta Thiago.

Importância da iluminação

O arquiteto aponta a importância da iluminação em projetos com tons escuros. “Tanto natural quanto artificial, é um item crucial para que um projeto com cores escuras funcione corretamente. É através da iluminação que os objetos serão destacados contra os fundos escuros. A luz revela formas, realça cores e cria cenários. Escolher corretamente a iluminação, utilizar em abundância objetos decorativos que criem pequenos pontos mais claros no ambiente, dosar corretamente a proporção entre superfícies opacas e brilhantes, foscas e espelhadas. Acima de tudo, é preciso ter consciência do efeito final desejado”, revela.

sala com paredes escuras

Foto: Daniela Buzzi

Tags:

Mais lidas