Os erros mais comuns no primeiro encontro

Avalie

A Guia Astral já te mostrou o que não fazer para não errar na hora de conquistar o gato. Agora, mostramos quais são os erros mais comuns durante o primeiro encontro, e claro, damos as dicas do que você deve fazer para deixá-lo com vontade de marcar logo outra saída com você.

Romantismo ou seriedade? Nervosismo? Clima amigo? Chega de dúvidas. Confira as dicas e acerte no primeiro encontro!

 

 

casal-primeiro-encontro

Foto: Thinkstock/ Gettym Images

Olhar perdido: o olhar é uma das ações que mais demonstram o nosso interesseem algo. Agora, imagine se você sair com o gato e passar a noite toda olhando para os lados, reparando na roupa de outras pessoas… É claro que ele vai achar que não está interessando você, e pode nem pensar em te ver de novo. Foque o olhar na sua companhia e mostre que a única coisa que importa ali é ele.

 

Romantismo exagerado: mesmo que você seja muuuuito romântica e já esteja superapaixonada pelo cara antes mesmo do primeiro encontro, controle-se. Essa é a primeira vez que vocês estão saindo juntos. Já imaginou ficar falando de filhos, casamento e envelhecer juntos para ele? Na verdade, romantismo demais no primeiro encontro soa estranho para as duas partes. Já pensou se ele resolve te apresentar pra sogra antes mesmo do beijo? Nem você vai gostar.

 

Nervosismo exagerado: a mulher que nunca ficou nervosa com um encontro que atire a primeira pedra! Seja um leve friozinho na barriga ou um mega medo de não saber como agir na companhia do cara, toda mulher já ficou pelo menos um pouco nervosa antes de um encontro. E isso só atrapalha. Controlar as emoções é fundamental para não cometer nenhuma gafe na presença do rapaz. Tenha em mente que  tudo vai fluir bem e que não há motivos para nervosismo.

 

Nada demais, nada de menos: fuja de tudo que for demais ou de menos. Quer fazer elogios ao cara, tudo bem, mas nada de ficar com babação em cima dele ou ele vai achar que nem precisou de esforço algum para te conquistar. Também não precisa ser “a chata” que não fala nada, não elogia, não brinca. Aliás, vai fazer alguma piada? Tudo bem, mas não transforme a noite de vocês em uma sessão de stand up. Lembre-se, tudo na medida certa é a melhor maneira de não cometer nenhuma gafe.

 

Ah, o ex…: não é preciso explicar muito sobre isso, não? Falar do ex, do que vocês faziam, dos lugares que iam, de como era a relação de vocês dois, como foi a separação, etc, etc, etc é motivo para o cara nem querer terminar o primeiro encontro quanto mais ter um segundo.

 

Terapia só no divã: você quer um namorado ou um terapeuta? Se a resposta for a primeira opção, então nem pense em passar o primeiro encontro de vocês apresentando os seus problemas e angústias de vida. É normal compartilhar esses sentimentos com o parceiro, mas quando vocês já têm intimidade e confiança o suficiente para isso. Escolha papos leves e descontraídos para esse encontro e aproveite para saber mais sobre a vida dele e conhecê-lo melhor.

Mais lidas