Rinite: descubra o que é e os sintomas dessa doença comum no inverno

A rinite causa espirros frequentes, coceira no nariz, obstrução nasal e outros sintomas. Porém, com algumas atitudes simples, é possível driblar a doença

None
Alguns dos sintomas da rinite são coceira no nariz e obstrução nasal. Foto iStock.com/Getty Images

por Redação Alto Astral
Publicado em 06/06/2017 às 13:21
Atualizado às 13:21

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Os dias frios já estão batendo à porta e, para algumas pessoas, isso é motivo de tirar os agasalhos do armário e aproveitar o clima mais ameno. Contudo, para outras, o inverno é sinônimo de problemas respiratórios. A rinite é uma das doenças mais comuns dessa estação e apresenta sintomas bem próprios, devendo ser tratada de forma específica. Mas, afinal, o que é a rinite?

Entenda a rinite

“A rinite é um processo inflamatório da mucosa nasal, muitas vezes crônica, que pode ser alérgica ou sem causa, então chamada idiopática”, define o pneumologista Ronaldo Mendes Cavalheiro. A forma mais comum de rinite é a alérgica e, por meio de testes, verificam-se os causadores, que podem ser ácaros, fungos, vírus, bactérias ou poluição. Para descobrir a causa, é preciso procurar um médico, que indicará exames como o de sangue e o teste da picada, no qual a pele reage aos agentes alérgicos.

Principais sintomas

O problema pode causar dificuldade para dormir, otite (inflamação dos ouvidos) e evoluir para a sinusite. Seus principais sintomas são coriza, coceira no nariz, nos olhos ou no céu da boca, espirros frequentes e obstrução nasal. Todos os tipos da doença têm tratamento, e o especialista indicará o melhor para cada caso.

A rinite afeta não só os adultos, mas também muitas crianças. Por isso, é importante procurar um médico assim que surgirem os primeiros sintomas, pois o problema compromete a qualidade do sono e pode, inclusive, interferir no aprendizado dos pequenos.

A rinite atinge muitas crianças e pode afetar o aprendizado, por isso, deve ser tratada logo que surgir.

A rinite atinge muitas crianças e pode afetar o aprendizado, por isso deve ser tratada logo que surgir. FOTO: iStock.com/Getty Images

Deixando o ar mais saudável

Medidas simples podem ser tomadas para deixar o ambiente livre de agentes alérgicos, principalmente em casa, evitando piorar os sintomas da rinite e sinusite. Seguindo as dicas, é possível evitar crises das doenças, inclusive de bronquite.

  • Mantenha a casa bem arejada, deixando o sol entrar no ambiente. Mesmo em tempos frios, é recomendável abrir as janelas
  • Passe regularmente um pano úmido sobre os móveis e o chão
  • Evite usar roupas e cobertores de lã. Opte por edredons sintéticos, que devem ser lavados toda semana. No verão, podem ser guardados em sacos plásticos, dentro do armário
  • Fique longe de cheiros irritantes, como fumaça de cigarro, inseticidas e tintas
  • Capas antialérgicas podem ser postas em colchões e travesseiros, por baixo de lençóis e fronhas
  • Troque lençóis, fronhas e capas de almofadas semanalmente
  • Evite ter em casa carpetes, cortinas grossas e tapetes felpudos, pois acumulam muito pó e ácaros facilmente
  • Se permanecer em locais com ar-condicionado, beba bastante líquido

Consultoria Ronaldo Mendes Cavalheiro, pneumologista

LEIA TAMBÉM:

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.