SAÚDE

Saiba quais são os benefícios de uma boa noite de sono

Levar uma vida saudável é também ter uma rotina de sono regulada

Pocah dormindo no BBB21
Pocah dormindo no BBB21 - Reprodução / Instagram

por Daniela Orlandi
Publicado em 17/02/2021 às 12:15
Atualizado às 12:15

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Um dos pilares de uma vida saudável e equilibrada é manter uma boa noite de sono. Acordar descansada é essencial para desempenhar as funções do dia a dia e seguir uma rotina produtiva.

O sono tem um papel fundamental para proporcionar um restauro físico e mental. A partir dele, nossas atividades cerebrais são reorganizadas, a memória renovada e todo o funcionamento do corpo preparado para o dia seguinte. O ideal é ter um sono contínuo, passando por todas as fases e totalizando um período suficiente para proporcionar repouso e descanso.

Para os adultos, a média recomendada gira em torno de 6 a 8 horas por dia, no entanto, mais importante do que a quantidade, é a qualidade do sono. Só assim, você acorda com vigor e energia para seguir com as tarefas do dia.

Os benefícios de uma noite bem dormida são muitos. Segundo o médico acupunturista dr. André Tsai, o sono auxilia a promover uma cicatrização adequada das feridas, um melhor funcionamento do sistema imunológico e ajuda no processo de memorização das informações. No caso das crianças, colabora para o crescimento físico.

Além disso, também é importante cultivar hábitos saudáveis para criar uma rotina antes de dormir. Conhecido como higiene do sono, o hábito consiste em evitar o consumo de bebidas que contenham estimulantes. "Café, chá verde, chá preto, dentre outras, e também o consumo de bebidas alcoólicas", esclarece Tsai.

Outra recomendação é evitar a prática de atividade física intensa no período noturno, porque aumenta os níveis de adrenalina no sangue. Um ponto a se considerar também é o uso de celulares e dispositivos eletrônicos antes de dormir.

"Eles emitem um comprimento de luz que inibe a liberação da melatonina pela glândula pineal", comenta o médico.

Não manter um sono regulado provoca impactos negativos na saúde, por se tratar de um momento essencial na manutenção do nosso bem-estar geral. Ter um sono não reparador está associado à sintomas de fadiga, sonolência durante o dia, raciocínio confuso, aumento da ansiedade e piora do humor.

"Além disso, pode aumentar o risco de desenvolver hipertensão arterial sistêmica, infarto agudo do miocárdio, diabetes e dor crônica", afirma André.

Em casos de insônia, uma boa ferramenta pode ser o tratamento por meio da acupuntura. "Estimula-se pontos espalhados pelo corpo a fim de promover a liberação de substâncias endógenas (produzidas pelo próprio organismo), como a serotonina", explica o médico.

Desse modo, é possível diminuir os níveis de ansiedade e preocupações que muitas vezes estão associados à dificuldade de adormecer ou até mesmo de manter o sono durante a noite toda.

Consultoria: Dr. André Tsai, médico acupunturista e presidente do Colégio Médico Brasileiro de Acupuntura.