Lancheira saudável: aprenda dicas de como montar uma!

Muitas mães se preocupam com a alimentação na escola e passaram a produzir uma lancheira saudável para os filhos. Confira dicas de como fazer para a sua

Uma alimentação saudável contribui e muito para o aprendizado na escola
Uma alimentação saudável contribui e muito para o aprendizado na escola - Shutterstock

por Loyane Lapa
Publicado em 16/02/2022 às 13:00
Atualizado às 13:00

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Se você é um frequentador assíduo de redes sociais, com certeza já deve ter se deparado com vídeos de mães mostrando como montam as lancheiras dos seus filhos. Essa prática se tornou um hobby e atualmente já existe até streamer especializado em analisar a montagem deste item, sabia?!

Pois é! O fato é que nem todas as lancheiras oferecem opções nutritivas o suficiente para ser humaninhos em fase de crescimento. Para isso, é necessário que haja uma preocupação com a produção de uma lancheira saudável.

Mas, afinal de contas, por que investir tempo produzindo uma lancheira saudável? E a resposta é simples: porque a alimentação saudável é essencial para a saúde. É através dessa necessidade básica que nosso sistema imunológico fica em dia e, no caso de crianças e adolescentes, também contribui para o desenvolvimento cognitivo.

Sendo assim, a dica para montar uma lancheira saudável é: organize a alimentação com comida de verdade, que ofereça os nutrientes necessários para suprir parte das necessidades diárias, incluindo alimentos sazonais e principalmente os orgânicos.

De acordo com Isabel Bonfim, professora de nutrição, gastronomia e alimentação do Senac São Paulo, “é importante que as práticas alimentares saudáveis sejam desenvolvidas no ambiente familiar e nas escolas também, porque asseguram saúde e impactam no fator cognição: desenvolvimento na aprendizagem e automaticamente rendimento escolar”. Ou seja, além de estar fazendo bem para a saúde dos pequenos, uma lancheira saudável também contribui para a absorção de conhecimento!

Neste caso, a recomendação é de que a lancheira possua um cardápio variado e equilibrado, incluindo proteínas animal e vegetal, carboidratos, hortaliças, frutas e oleaginosas. Além disso, é importante que os pais se preocupem em variar as texturas, sabores e investir em um prato colorido, para tornar o comer em um ato lúdico.

Como a lancheira saudável possui toda uma adaptação, separamos algumas dicas que podem ajudar você nesse momento. Confira agora itens e dicas importantes para dar conta do preparo!

Lancheira saudável e colorida
Quanto mais colorida, mais rica em nutrientes uma lancheira é | Imagem: Shutterstock

Tenha o congelador como aliado

Com a correria do dia a dia, tudo que for mais prático é bem-vindo! Por isso, há receitas que você pode preparar com antecedência, separar em pequenas porções e depois congelar. Nesse sentido, para consumir, basta retirar do freezer um dia antes. E o lado bom é que dá para fazer isso com bolos, pães e tortas, por exemplo. Polpas de frutas também podem ser congeladas e utilizadas em sucos e algumas receitas. 

Para manter tudo na temperatura ideal, é necessário também o uso de uma bolsa térmica para que a lancheira saudável se mantenha preservada por mais tempo!

A especialista Isabel Bonfim também pontua algumas sugestões para aqueles que desejam variar nas lancheiras. Veja abaixo o cardápio:

  • Salada de frutas, iogurte natural, pão integral com pasta de queijo, tomate, nozes picadas, escarola e suco natural;
  • Pão integral, creme de ricota, alface, rúcula, erva-doce picada, suco natural e fruta individual;
  • Torta caseira ou quiche de legumes (utilize no preparo farinhas integrais), água de coco e fruta individual;
  • Bolo com frutas (maçã, banana, coco fresco, abacaxi em cubos...) e suco natural;
  • Palitos de legumes: cenoura, pepino e tomate com toque de azeite, pão sírio, suco natural e fruta individual;
  • Pão caseiro, recheio de Húmus (pasta de grão de bico) ou Babaganuche (pasta de berinjela), suco natural e fruta individual;
  • Quibe vegetariano (carne substituir por abóbora), suco natural e fruta individual;
  • Focaccia com alecrim e tomatinhos, suco natural e fruta individual.

Frutas e água também são importantes:

Frutas são um alimento indispensável para lancheiras saudáveis, então a dica é: envie elas lavadas, secas e se possível cortadas para as crianças.

Vale lembrar também que é fundamental manter a hidratação do corpo, por isso, inclua também uma garrafinha de água para incentivar os pequenos desde cedo!

E aí, gostou das dicas? Que tal colocar em prática e produzir sua própria lancheira? Tem um vídeo para ajudar:

Fonte: Isabel Bonfim, docente da área de nutrição, gastronomia e alimentação do Senac São Paulo.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.