CASA & DECOR

Sala de tevê: tenha muito conforto até nos pequenos espaços!

Você tem um ambiente pequeno e queria transformá-lo em uma sala de tevê? Aposte nos elementos certos para criar um ambiente confortável!

None
Foto: Fernando Gardinali/Colaborador Produção: Adriana Pisciotta/Colaboradora

por Redação Alto Astral
Publicado em 11/10/2016 às 19:18
Atualizado às 17:00

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Uma sala de TV não precisa de muito. Comece por um bom sofá e um televisor apropriado. Em seguida, pequenos detalhes fazem toda a diferença, tanto no conforto quanto na decoração. É o que vamos mostrar a seguir. Anote as dicas!

Sala de tevê pequena colorida

Foto: Fernando Gardinali/Colaborador
Produção: Adriana Pisciotta/Colaboradora

Cores que acalmam

Um clima aconchegante, calmo, porém com vida e alegria, é a proposta dessa sala. O azul tranquilizante aliado à energia do amarelo trouxe vivacidade. A estampa floral da cortina e os arabescos do tapete completam a atmosfera mais intimista.

Foto: Fernando Gardinali/Colaborador

Foto: Fernando Gardinali/Colaborador

“O” sofá

Sofás com chaise acoplada costumam fazer sucesso para as salas de TV. O modelo escolhido é retrátil e reclinável, para garantir o maior conforto dos telespectadores. Com toque aveludado, ele não passa despercebido. “A cor cinza-azulada ou cinza-chumbo faz um contraste direto com a parede e destaca a forma do sofá”, enfatiza a decoradora Sandra Regina Escridelli, docente do Senac Santana-SP.

Nichos versáteis

Foto: Fernando Gardinali/Colaborador

Foto: Fernando Gardinali/Colaborador

Assim como quadros, nichos podem criar desenhos na parede acima do sofá. É possível usá-los assimetricamente e ainda brincar com as cores e os objetos decorativos que eles receberão.

Sanca de gesso

Para um ambiente sofisticado, o forro foi feito com gesso liso, com tabica de 3cm ao redor da sala toda, com placas fixadas em perfis metálicos, de forma prática e segura. A tabica cria um vão entre a parede e o rebaixo, dando a sensação de que o teto é “flutuante”. Já a cortina foi colocada de um lado a outro, com objetivo de criar um efeito de horizontalidade ao ambiente, aumentando-o.

Moldura na cortina

Foto: Fernando Gardinali/Colaborador

Foto: Fernando Gardinali/Colaborador

Tanto os varões quanto o trilho suíço, que dão suporte à cortina, podem ser escondidos em sancas de gesso. Para dar a sensação de amplitude no ambiente, use o cortineiro embutido com cortinas que vão até o chão.

Móveis curingas

Foto: Fernando Gardinali/Colaborador

Foto: Fernando Gardinali/Colaborador

Com rodinhas, os pufes ficam onde lhes convém ou quando a ocasião pede. Peças multifuncionais são grandes aliadas na sala de TV, pois ganham espaço sem perder a comodidade. Pufes também podem servir para o apoio de copos e controles, como também para descanso dos pés ou até para receber mais pessoas sentadas.

Texto: Larissa Faria; Produção: Adriana Pisciotta/Colaboradora; Assistente de fotografia: Vitor Vasconcelos/Colaborador; Execução: Jhon Lion e Léo Patriani/Colaboradores

LEIA TAMBÉM