NOTÍCIAS

Veja como foi o processo de proibição das drogas no século XX!

A psicanalista Cristiane Maluf Martin esclarece que a proibição das drogas foi uma preocupação muito mais intensificada durante o século XX.

None
Foto: Wikimedia Commons

por Redação Alto Astral
Publicado em 27/01/2017 às 09:38
Atualizado às 15:04

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

A psicanalista Cristiane Maluf Martin esclarece que a proibição das drogas foi uma preocupação muito mais intensificada durante o século XX. “Desde a década de 1970, alguns países como Estados Unidos, Suécia, Holanda, Colômbia questionam a proibição e o consumo de drogas. Especificamente no Brasil, o grande problema se dá em torno da saúde, pois infelizmente ainda não temos infraestrutura para acolher os dependentes”, pontua a especialista. De acordo com Cristiane, o Brasil possui experiência recente no que diz respeito às políticas públicas de enfrentamento às drogas.

ronald reagan, debate, proibição das drogas

Foto: Wikimedia Commons

“Até meados do ano de 1900, o Brasil não tinha controle oficial sobre as drogas que eram toleradas e usadas em locais frequentados por jovens. Em meados de 1920, o governo se comprometeu a fortalecer o controle sobre o uso de drogas como ópio e cocaína, pois até então esse vício era limitado a uma parte da sociedade, porém passou a se espalhar nas ruas. Esse movimento começou a incomodar o governo que, em 1921, editou lei restritiva na utilização de ópio, morfina, heroína e cocaína no Brasil, passível de punição para todo tipo de utilização que não segue recomendações médicas”, finaliza.

LEIA TAMBÉM

Texto: Redação Edição: Angelo Matilha Cherubini

Consultoria: Cristiane Maluf Martin, psicanalista