Nostalgia: relembre como era a sua vida antes do Google!

Você se lembra como era sua vida antes da existência do maior site de pesquisa: o Google? Não faz tanto tempo assim! Relembre esses momentos únicos!

None
Foto: Divulgação

por Vítor Ferreira
Publicado em 27/09/2016 às 15:56
Atualizado às 18:34

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Hoje faz 18 anos que o Google entrou para as nossas vidas e se tornou um dos componentes indispensáveis para sobrevivermos no mundo globalizado. Nós o acessamos tão sem pensar que esquecemos de como o cotidiano era mais complexo e diferente de alguns anos atrás. Você, por exemplo, lembra-se da última vez que segurou um dicionário? Ou quem sabe uma Barsa?

Os jovens de hoje talvez nem saibam o que é uma enciclopédia que não seja o Wikipédia, mas os mais velhos com certeza já tiveram a experiência de passar horas e horas folheando aquela coletânea de livros para achar uma simples informação, que hoje basta apenas um clique para conseguirmos alcançar milhões de detalhes sobre o assunto.

Para reviver os antigos hábitos, separamos algumas coisas que fazíamos antes do Google existir. Veja:

Dicionário

dicionario

Foto: Divulgação

O dicionário era presença confirmada nas mochilas dos adolescentes e nas salas de aula. Também conhecido como “pai dos burros” (o que é uma grande besteira) era utilizado quando tínhamos dúvidas sobre qualquer palavra, como era a forma correta de escrever, seus significados, separação por sílabas, sua origem, entre outras especificações. Qual foi a última vez que você usou um desses, hein?! Aposto que há muito tempo!

Mapas

mapa

Foto: Divulgação

Vai viajar? Que tal pegar um mapa para traçar a melhor rota possível ou programar o tempo que irá perder no trajeto? Com o Google Maps essa prática se tornou tão obsoleta que é de extrema raridade encontrar em algum porta-luvas de carro esse extenso e gigantesco pedaço de papel. Até hoje muitas pessoas não conseguem entender como usar um guia, mas era engraçado tentar se achar naquele mar de ruas, rodovias e avenidas.

Jornais e revistas

newspaper

Foto: Divulgação

Hoje basta você ligar o seu celular e acessar o site das principais redes de informações, como o Google, para ter diante dos olhos qualquer informação que deseja, desde as mais atuais até as antigas. Porém, há 18 anos, essa realidade era muito distinta! Para saber o que acontecia no Brasil e no mundo era necessário ir até a banca mais próxima e comprar o famoso jornal. Já para ter uma ideia do que estava rolando no mundo da moda e outros assuntos diversos, bastava comprar uma revista.

Lista telefônica

listatelefonica

Foto: Divulgação

Essa sim é uma relíquia do tempo! A lista telefônica, também conhecida como Amarelinho devido a cor de suas páginas, era para onde você corria caso precisasse urgentemente de um número de telefone do qual não tinha conhecimento ou não tinha anotado em alguma agenda ou papel. Hoje recebemos ligações de todos os lugares possíveis, com os mais variados números, mas basta jogarmos o contato no Google que saberemos em alguns segundos de quem é e de onde vem o telefonema.

Enciclopédia Barsa

barsa

Foto: Divulgação

AEnciclopédia Barsa é o avô de todos os sites de pesquisa que existem atualmente. Sabe aqueles trabalho de escola, faculdade, ou serviço? Você precisava ficar horas e mais horas procurando sobre o assunto diante desses livros e depois gastar mais tempo escrevendo o texto em outro local. Elas abordavam desde Biologia a Literatura, e quem possuía todos os seus volumes tinha o conhecimento do mundo ao alcance de suas mãos. Bom, hoje basta apenas dar um Google!

Compartilhar fotos

albumdefotos

Foto: Divulgação

Através do Google o armazenamento de fotos se tornou muito mais fácil, principalmente com o auxílio das câmeras de celulares. Antigamente era necessário registrar cada momento com um aparelho analógico, depois revelar a imagem e ainda comprar um álbum para não perder nenhum desses momentos.

Escrever

maquinadeescrever

Foto: Divulgação

Já pensou como seria sua vida sem os aplicativos de mensagem instantânea, ou ainda escrever um trabalho inteiro à mão ou com uma máquina de escrever? Pois essa era a realidade antes de adereços como o Google Documents, no qual podemos digitar e cada palavra é salva automaticamente, sem que corramos o risco de perder alguma informação, ou errar alguma frase e termos que começar tudo novamente.

LEIA TAMBÉM