Rainha Vitória: conheça a monarca mais longeva da Inglaterra!

Responsável pela abolição da escravidão e pela redução da jornada de trabalho na indústria, a rainha Vitória governou a Inglaterra por mais de 60 anos

None
FOTO: Reprodução/Wikimedia Commons

por Redação Alto Astral
Publicado em 14/09/2016 às 16:36
Atualizado às 18:28

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Nascida no dia 24 de maio de 1819, na cidade de Londres, a rainha Vitória assumiu o trono inglês pouco depois de completar 18 anos, no ano de 1937, e ali permaneceu até 1901, quando veio a falecer.

rainha vitória, Inglaterra, dezoito anos, coroação

A rainha Vitória subiu ao trono em 1837, logo após completar 18 anos. FOTO: Reprodução/Wikimedia Commons

Muitas mudanças

Durante quase 64 anos, a rainha Vitória governou a Inglaterra, e durante o tempo em que esteve no poder promoveu inúmeras alterações nos diversos âmbitos sociais, como por exemplo na cultura, na política e no militarismo. No aspecto industrial e trabalhista, também foi responsável por aplicar melhorias. Foi ela quem aboliu a escravidão no Império Britânico e também reduziu a jornada de trabalho da indústria têxtil para dez horas. Além disso, concedeu a todos os operários o direito ao voto.

Legado

O reinado de Vitória foi tão marcante que ficou conhecido como “Era Vitoriana”. E não era pra menos. Além de lançar tendências de comportamento – como o hábito de presentear cônjuges e utilizar anéis de noivado -, a rainha foi responsável por incentivar a produção artística, principalmente na pintura e na literatura. Deixou ainda como herança o fortalecimento da indústria inglesa e a expansão do Império Britânico.

rainha Vitória, jubileu de ouro, fotografia, preto e branco

O legado deixado por Vitória foi tão importante que, após sua morte, o período em que esteve como monarca da Inglaterra ficou conhecido como Era Vitoriana. FOTO: Reprodução/Wikimedia Commons

SAIBA MAIS

Zuzu Angel: a mãe que desafiou a ditadura militar brasileira

Rosa Parks: a mulher que marcou a luta antissegregacionista nos EUA

Texto: Nathália Piccoli Edição: João Paulo Fernandes