Ícones do mundo geek para conhecer!

Personagens e games que marcaram gerações de quem é louco por cultura pop. Descubra ou relembre ícones que já fizeram de você um fã desse universo!

None
Imagens: Reprodução

por Redação Alto Astral
Publicado em 27/10/2016 às 06:00
Atualizado às 18:49

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Confira personagens e jogos que marcaram gerações de quem é  louco por cultura pop! Descubra ou relembre alguns ícones que já fizeram de você um fã desse universo cheio de seres fantásticos, realidades paralelas e ficção científica. Viva ao mundo geek!

Charlie Brown

Cena de Charlie Brown

IMAGEM: Reprodução

Primeira aparição em: 1950
Onde: nas tirinhas de Peanuts
O garotinho é um autorretrato de seu criador norte-americano, Charles M. Schulz. O personagem faz parte das tirinhas de Peanuts que foram publicadas entre 1950 e 2000 em jornais pelo mundo. O sucesso foi tanto que virou desenho animado em 1965. No Brasil, Peanuts ficou conhecida como Minduim. Neste ano, foi lançado o primeiro filme da Turma de Charlie Brown e Snoopy.

ATARI

Jogo Atari

FOTO: Reprodução

Criada em: 1972
Desenvolveu o jogo PONG
Empresa de produtos eletrônicos responsável pela popularização dos videogames. Seu grande sucesso chegou apenas em 1978, com o lançamento do console Atari 2600 – projetado por Jay Miner e lançado no Brasil apenas em 1983. Considerado um símbolo cultural dos anos 80, foi um fenômeno de vendas em todo mundo.

Cubo de Rubik

Cubo mágico

FOTO: Divulgação

Criado em: 1974
Inventado pelo húngaro Ern Rubik
Conhecido como cubo mágico, o brinquedo é um quebra-cabeça tridimensional. Cada uma de suas 6 faces está dividida em 9 partes, 3×3, em um total de 26 peças que se articulam entre si devido ao mecanismo da peça interior central fixa, oculta dentro do cubo. Quem nunca se divertiu com um desses?

Marty McFly

Cena do filme De volta para o futuro

FOTO: Reprodução

Primeira aparição em: 1985
Onde: no filme De Volta para o Futuro
Ao contrário da maioria das histórias nerd, não se passa no espaço, nem envolve monstros ou forças do mal. A narrativa é sobre McFly e a sua família. Mesmo assim, a possibilidade de viajar no tempo e reconstruir a sua própria história seduziram os espectadores quando o filme foi lançado, isso sem falar nos efeitos especiais bastante inovadores para a época.

LEIA TAMBÉM