ENTRETENIMENTO

463 anos de São Paulo: 11 músicas que falam sobre a metrópole

Os 463 anos de São Paulo são comemorados dia 25 de janeiro. Amada, a metrópole tem a história cantada em diversas músicas. Ouça e conheça mais!

None
Fotos: Divulgação

por Redação Alto Astral
Publicado em 23/01/2017 às 00:01
Atualizado às 17:49

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Nesta quarta (25.1), são comemorados os 463 anos de São Paulo, a grande metrópole do Brasil. Conhecida como a cidade que nunca para, São Paulo tem muitos apaixonados.

Ouça, a seguir, 11 músicas que contam um pouco dessa história e comemore a data com quem é paulistano da gema ou de coração. Feliz aniversário, São Paulo!

463 anos de São Paulo

Fotos: Divulgação

463 anos de São Paulo – músicas sobre a metrópole

1. Lampião de Gás – Inezita Barroso

A canção resgata o tempo em que São Paulo ainda não tinha esse fervor de pessoas e transportes. A voz de Inezita resgata tempos de vilas e o início do progresso da metrópole, bem como a saudade dessa época.

2. Trem das Onze – Adoniran Barbosa

De certo, a mais famosa entre as canções dedicadas à capital paulista. Um hino de todos os dias, mas especial para a comemoração dos 463 anos de São Paulo.

3. Terra da Garoa –  Mc Pachinifeat Erick

De uma geração mais nova, o Mc Pachini faz da música um pedido de justiça para a cidade populosa que enfrenta dificuldades no dia a dia, refletindo diretamente na vida de alguns paulistanos. Vale a reflexão!

4. Sampa – Caetano Veloso

“Alguma coisa acontece no meu coração, que só quando cruza a Ipiranga e Av. São João. É que quando eu cheguei por aqui eu nada entendi. Da dura poesia concreta de tuas esquinas. Da deselegância discreta de tuas meninas…”

Por conta desses primeiros versos, o encontro das avenidas Ipiranga e São João ficou conhecida como “a esquina mais famosa do Brasil”. Justo, não é mesmo?

5. Rua Augusta – Emicida

O rapper Emicida nomeou a canção de Rua Augusta, famosa pela noite paulista, bem como a concentração de mulheres que trabalham como acompanhantes. Justamente por isso, a referência faz jus à um dos lugares mais tradicionais da capital. Além, claro, da mensagem sobre a vida dessas paulistas!

6. Sampa Midnight – Itamar Assumpção

Foi Itamar Assumpção quem mais cantou sobre São Paulo, até hoje. São 25 músicas sobre a capital paulista, com letras detalhadas e bem interpretadas.

7. Fim de Semana no Parque – Racionais Mcs

São Paulo tem uma forte periferia, com problemas caóticos, dignos de grande metrópole, mas não de quem mora lá. Os rappers Racionais Mcs são conhecidos pela dura crítica ao sistema e fizeram história com esse rap que conta o dia a dia de quem vive nessas regiões que pouco evoluiu nos 463 anos de São Paulo em questões de estrutura básica.

8. Faria Lima pra Cá – Passo Torto

Considerados como os novos nomes que cantam São Paulo, o grupo Passo Torto musicaliza as histórias dos paulistas. “Tão querendo me tirar da habitação. Atrasei o aluguel, mas, Deus do céu, aluguel multiplicou. Vou trabalhar e amanhã eu faço bico noutro bar…”

9. Não Existe Amor em SP – Criolo

Quando lançada, essa canção viralizou nas redes sociais. Inclusive, é muito comum ver a frase que nomeia a música. Criolo fez uma interpretação pessoal de São Paulo, com tom de gratidão, mas com alertas para o que significa viver, dia após dia, na capital.

10. Amanhecendo – Billy Blanco

Eternizada pela rádio Jovem Pan por ser a escolha para a vinheta, a música de Billy Blanco virou um hino para as manhãs de São Paulo. “Vambora, vambora, olha a hora, vambora…” é um jargão característico da cidade, retirada dessa canção.

11. Cidade Cinza – CPM 22

A banda de hardcore canta uma história de amor na “caótica” São Paulo. “Coração de pedra, todo mundo merece uma chance…”

LEIA TAMBÉM

Design: Júlia Santini/Colaboradora