Assim como a relação de Juliette e Gil, saiba quando sua amizade está desgastada

Preste atenção nos sinais e descubra se está na hora de encerrar uma amizade

Gil e Juliette: amizades desgastadas
Gil e Juliette: amizades desgastadas - Reprodução / Instagram @gilnogueiraofc @juliette.freire

por Beatryz Gaia
Publicado em 18/03/2021 às 22:00
Atualizado às 22:00

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Uma das últimas polêmicas do Big Brother Brasil 21 foi a discussão entre Juliette e Gil do Vigor. A paraibana foi tirar satisfação com o pernambucano por ele ter relembrado algumas pessoas do jogo uma discussão da advogada com a ex participante, Lumena. Ela afirmou que o ecônomo fez isso para prejudicá-la, e os dois acabaram trocando argumentos na academia da casa.

A maquiadora afirmou que a atitude do doutorando foi com a intenção de atrapalhar a sister, e ele rebateu: "Mas você disse, nada muda que você fez isso para parecer oprimida". 

Depois da discussão, Juliete explicou que continuaria respeitando o colega, mas que havia rompido alianças com ele. Os dois se abraçaram, ela saiu da academia e Gil ficou chorando sozinho.

Reprodução / Instagram @feedbbb21_

É inegável que em reality shows acontecem diversas situações do nosso cotidiano, como, por exemplo, a de conflitos nas amizades. A questão é: quando um relacionamento de amigos está por acabar? Será que vale a pena correr atrás ou se distanciar? 

Segundo a psicóloga Ana Gabriela Andriani, amizade é quando há troca e quando se aceita o contato com o diferente, ou seja, saber lidar com a imperfeição do outro é fundamental para uma relação saudável.

Se a parceria está ultrapassando seus valores e limites, ou até mesmo te podando ao tomar decisões, é bom ficar em alerta. Perceber o que está sentindo em relação ao relacionamento também é necessário para identificar os sinais de que a amizade está chegando ao fim. Sentimentos de angústia, isolamento e afastamento, nunca são bons, independente da situação.

"Onde tem abuso, tanto afetivo quanto físico, ultrapassa limites e é bastante prejudicial", explica a psicóloga. 

Para resolver um conflito em uma amizade, conversar é a melhor saída. "Ser franco é essencial para explicar para a pessoa o que você está sentindo e o que está percebendo da relação, mas é importante também ouvir o que o outro tem para falar. Uma conversa acusatória, onde só se aponta o dedo, não chega em lugar nenhum", esclarece Ana.

Além disso, quando se percebe que o relacionamento não está dando mais, o indicado é se distanciar a fim de recuperar suas energias e autoestima. "Existem amizades que são tão confusas, que os envolvidos se perdem e não sabem mais quem são eles mesmos. Então, se afastar é ideal para se reencontrar com seus interesses e valores, e claro, sempre manter relações com várias pessoas, e não uma única. Depositar todas as fichas em um relacionamento só não é saudável", finaliza a doutora.

Consultoria: Dra. Ana Gabriela Andriani, psicóloga

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.