CASA & DECOR

Jardim vertical: garanta um cantinho verde em casa, mesmo com pouco espaço

Seja no interior ou no exterior, o jardim vertical é uma ótima opção para quem tem pouco espaço e quer um cantinho verde. Confira ideias inspiradoras!

None
Fotomontagem: Rafaella Bortolan/Colaboradora

por Redação Alto Astral
Publicado em 14/02/2017 às 18:35
Atualizado às 16:42

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Um jardim é capaz de alegrar qualquer ambiente da casa. Por menor que ele seja, plantas levam cor, vida e um ar mais puro para o dia a dia. Mas o que fazer quando se mora em um apartamento ou em locais com metragens compactas? Essa solução tem nome e sobrenome: jardim vertical. Seja em paredes internas ou externas, eles trazem charme a qualquer espaço e ainda contribuem para a redução da temperatura, da poluição sonora, do ambiente e do ar.

Para relaxar

Foto: André Fortes

Criar um ambiente de contemplação e descanso onde a família toda pudesse se reunir. Esse foi o objetivo da arquiteta e paisagista Rafaela Novaes ao projetar esse jardim vertical. “Interior e exterior se encontram nessa varanda de 15m² que é a transição da casa para a área de lazer”, conta.

Melhor opção

Levando em consideração a iluminação do local as Samambaias Americana, Paulista e a Azul foram as escolhidas para compor esse jardim vertical. “Por se tratar de um ambiente sob um pergolado, as folhagens foram as mais indicadas para este projeto”, explica a arquiteta.

Mais verde

Foto: Alessandro Guimarães

Para trazer um pouco de natureza para dentro deste apartamento de 150m², o arquiteto Thiago Papadopoli apostou em um jardim vertical com as espécies Dinheiro em Penca, Tostão, Lambari Roxo, Véu de Noiva e Peperonia. “A ideia do jardim vertical é dar vida a todo o apartamento. Por esse motivo ele foi pensado de forma que pudesse ser visível de todas as áreas integradas”, explica.

Sempre em dia

Uma ótima ideia para manter seu jardim sempre lindo é apostar em um sistema de irrigação próprio, como foi feito nesse projeto. “Dessa forma, é necessário que a poda das plantas seja feita somente a cada dois meses”, conta o arquiteto.

Personalizado

Foto: Henrique Queiroga

Cansada de viver em um local que não refletia sua personalidade, mas limitada pelo fato de o imóvel ser alugado, a cliente buscava uma solução que não fosse permanente, mas que quebrasse o aspecto impessoal do apartamento de 24m². A saída? Um lindo jardim vertical! “Ele foi adotado para trazer frescor e humanização a um espaço que poderia facilmente se tornar frio e inexpressivo”, explica a arquiteta Simone Rocha, responsável pelo projeto.

Para receber

Como a cliente adora cultivar plantas e receber amigos em casa, Simone adotou estratégias para unir tais gostos. “Os painéis ripados, que apoiam os vasos de planta, são unidos por um banco de madeira junto à janela, elemento que ajuda a acomodar os convidados nos dias de recepção”, conta.

Também pode!

Foto: João Paulo Anselmo

A dona desta varanda queria dar um toque de cor ao espaço de 20m², mas não tinha disponibilidade para cuidar de plantas vivas. A solução encontrada pelas arquitetas Juliana Oliveira e Natácia Melo, responsáveis pelo projeto, foram as mini samambaias permanentes de silicone. “Como são artificiais, elas necessitam apenas de limpeza com espanador e pano úmido, para não acumular pó”, explicam.

Em destaque

Elementos como as cores coringas, linho e bege no sofá, o uso de bastante madeira e a iluminação branda, deixam o verde das mini samambaias de silicone – material que imita perfeitamente o aspecto e o toque da planta natural – em evidência, criando um ambiente charmoso, aconchegante e, ao mesmo tempo, muito sofisticado.

Texto: Mariana Siqueira/Colaboradora | Consultoria: Rafaela Novaes Arquitetura Paisagística, São Paulo (SP); Thiago Papadopoli Arquitetura, Santo André (SP); Simone Rocha Arquitetura e Design, Belo Horizonte (MG); Dominus Arquitetura e Interiores, São Paulo (SP)

LEIA TAMBÉM