Salmo 127: saudando ao Todo-Poderoso e renovando os votos

O salmo 127 é indicado para saudar Deus, renovar os votos da aliança e oferecer sacrifícios. Evoque sua fé e aproxime-se do Céus!

None
Foto: iStock

por Redação Alto Astral
Publicado em 21/02/2017 às 11:18
Atualizado às 12:40

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

O salmo 127 é para se livrar das traições e dos traidores e para aumentar a confiança em Deus. Isso é a verdadeira fórmula para obter vitória sobre os inimigos e fechar as portas para o mal. Porque o poder deste salmo está em celebrar Deus com alegria sempre.

Bíblia aberta escrito salmo 127 acima uma cruz

Foto: iStock

Salmo 127

“Se o Senhor não edificar a casa, em vão trabalham os que a edificam; se o Senhor não guardar a cidade, em vão vigia a sentinela. * 2 Inútil vos será levantar de madrugada, repousar tarde, comer o pão de dores, pois assim dá ele aos seus amados o sono. * 3 Eis que os filhos são herança do Senhor, e o fruto do ventre o seu galardão. * 4 Como flechas na mão de um homem poderoso, assim são os filhos da mocidade. * 5 Bem-aventurado o homem que enche deles a sua aljava; não serão confundidos, mas falarão com os seus inimigos à porta.”

Comentário especial

Este salmo aponta para uma grande celebração com a participação de um grande número de peregrinos chegando ao templo do senhor, conforme o costume, para saudar Deus, renovar os votos da aliança e oferecer sacrifícios. Mas, antes disso, as pessoas precisaram ter em mente que celebrar essas festas requeria um verdadeiro espírito religioso e uma lavagem na alma por meio da fé.

Entregues à alegria da festa, todos vibraram com a presença da majestade divina e do juiz celeste que os convocou. Porquanto, para alcançar as graças divinas é justo e bom que se ofereça a Deus sacrifícios, que deverão ser como as promessas e os jejuns para render-lhes a glória devida e implorar o seu auxílio.

Frase de poder

“Eis que os filhos são herança do senhor, e o fruto do ventre o seu galardão”.

LEIA TAMBÉM

Consultoria: Ira Pepino

Edição: Rafael Barbosa/Colaborador | Design: Gabriel Andrade/Colaborador