3 orações para se benzer e comemorar a assunção de Maria

Conheça a história da Assunção de Maria para o reino de Deus, ao lado de Jesus, e recite algumas preces para que sua proteção e desejo sejam atendidos

None
Foto: Reprodução

por Redação Alto Astral
Publicado em 15/08/2020 às 06:00
Atualizado às 06:00

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Dia 15 de agosto é comemorado um dos feitos da Igreja Católica mais especiais e solenes: a assunção de Maria. A data, que foi estipulada pelo Papa Pio XII, em 1º de novembro de 1950, tem como objetivo louvar a Nossa Senhora, após toda sua trajetória na Terra e ter seu estado ascendido aos Céus.

Além de destinar o seu dia a pensamentos positivos e de amor ao próximo, reflita sobre suas atitudes e tire alguns minutos para realizar alguma oração de purificação e glória. A seguir, selecionamos três que podem abrir os caminhos da felicidade e paz interior.

A história da assunção de Maria

Pouco se sabe sobre as causas e data em que Maria faleceu. Mas, a tradição católica revela que tanto seu corpo com sua alma foram elevados ao reino dos Céus e estão ao lado de seu filho, Jesus. O Dogma da Assunção da Virgem Santíssima foi proclamado pelo Papa Pio XII, por meio da Constituição Apostólica Munificentissimus Deus.

Nesse documento, o pontífice revela: “Cristo, com Sua morte, venceu o pecado e a morte e sobre esta e sobre aquele alcançará também vitória pelos merecimentos de Cristo quem for regenerado sobrenaturalmente pelo batismo. Mas por lei natural Deus não quer conceder aos justos o completo efeito dessa vitória sobre a morte, senão quando chegar o fim dos tempos. Por isso, os corpos dos justos se dissolvem depois da morte, e somente no último dia tornarão a unir-se, cada um com sua própria alma gloriosa. Mas desta lei geral Deus quis excetuar a Bem-Aventurada Virgem Maria. Ela, por um privilégio todo singular, venceu o pecado; por sua Imaculada Conceição, não estando por isso sujeita à lei natural de ficar na corrupção do sepulcro, não foi preciso que esperasse até o fim do mundo para obter a ressurreição do corpo”.

Dessa forma, Maria faz sua presença na ressureição e na glorificação de Cristo. Sua ascensão tem como princípio o fato dela não estar sujeita ao poder do pecado para ser a Mãe de Deus e a sua carne e de Jesus serem a mesma. Dois pontos que não a deixariam ficar com o corpo em Terra ou no império da morte.

Orações para Virgem Maria

Maria, Senhora do amor

“Virgem Maria! Mãe do Senhor, escolhida do Pai, que aceitaste livremente transformar o mundo com o seu sim. Sei da tua grandeza diante de Deus e sei também o quanto é poderosa a tua intercessão. Eu te saúdo, Maria! Eu te exalto porque, como escolhida, não deixaste de ser Maria. Dá-me tua humildade. Mãe da paz, enche o meu coração com a tua paz, com o teu amor. Amor de mãe, mais ainda, amor da Mãe de Deus, que nos ama, nos protege e nos ampara sempre. Tão fiel, tão amiga, Mãe, nossa Mãe! Senhora do amor, Mãe dos mil nomes, eu sou teu filho e contigo desejo trilhar o caminho de Jesus. Abençoa-nos, ó Mãe. Amém!”.

Para os momentos difíceis

“Senhora, vós conheceis como o nosso coração é assaltado por tantas dificuldades. Temos de lutar para conservar intacta a nossa fé, nesta hora em que são tantos os que não acreditam. Temos de lutar para conservar intacta a nossa pureza, nesta hora em que o mundo é uma gigantesca organização do mal. Temos de lutar para conservar vibrante o nosso entusiasmo, nesta hora em que os homens apenas se preocupam com os bens materiais. Para que a nossa fé se mantenha inquebrantável, sede vós a nossa defensora, ó Virgem Maria! Para que o mal não nos domine e para que não semeie ruínas incertezas em nossas almas, sede vós a nossa defesa, ó Virgem Maria! Para que os maus afetos não enfraqueçam as nossas forças e não destruam o nosso coração, sede nossa defesa, ó Virgem Maria! Para que conservemos intactos os nossos entusiasmos, Virgem Maria, sede vós o nosso alento. Amém!”.

Consagração a Nossa Senhora

“Ó minha Senhora, ó minha Mãe, eu me ofereço todo a vós e, em prova da minha devoção para convosco, vos consagro neste dia meus olhos, meus ouvidos, minha boca, meu coração e todo o meu ser. E já que sou vosso, ó incomparável Mãe, guardai-me e defendei-me como propriedade vossa. Amém”.

Leia também:

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.