Conheça cinco respostas sobre tireoide e fique por dentro do assunto

Hipotireoidismo pode causar depressão? Engorda? Apenas mulheres podem ter o problema? Tire suas dúvidas sobre tireoide nessa matéria!

None
A tireoide é uma glândula localizada no pescoço, parte vermelha da imagem. Foto: Shutterstock

por Redação Alto Astral
Publicado em 24/02/2017 às 12:39
Atualizado às 13:31

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

O hipotireoidismo é quando a glândula da tireoide produz quantidade insuficiente de hormônio, quando isso ocorre os sintomas clássicos são aumento de peso, baixa disposição e fadiga. Já o hipertireoidismo é quando a glândula produz hormônio demais o que gera sintomas contrários como emagrecimento e dificuldade para dormir. Confira cinco respostas sobre tireoide para explicar melhor o funcionamento da glândula!

tireoide

A tireoide é uma glândula localizada no pescoço, parte vermelha da imagem. Foto: Shutterstock

1. Apenas mulheres têm hipotireoidismo?

Não. A doença pode afetar pessoas de ambos os sexos e de todas as idades, porém mulheres acima de 40 anos, homens após os 65 anos e pessoas com histórico familiar de doença autoimune são os grupos mais vulneráveis.

2. Hipotireoidismo engorda?

O ganho de peso é uma das manifestações clínicas dessa disfunção, mas é pequeno, de 2 a 3kg. Além disso, nem todos os pacientes apresentam aumento de peso.

3. Qual dos problemas é mais comum: o hipo ou o hipertireoidismo?

O hipotireoidismo. Há uma variedade maior de causas do que no hipertireoidismo e, quando há alterações autoimunes, há maior incidência de anticorpos inibidores e não estimuladores da tireoide. O tratamento do hipertireoidismo, muitas vezes, também leva ao hipotireoidismo.

4. É possível prevenir os distúrbios na tireoide com hábitos de vida, como a alimentação ou a prática de exercícios físicos?

Como grande parte dos distúrbios tireoidianos têm origem autoimune, seu desenvolvimento depende de susceptibilidade genética e fatores ambientais. Esses fatores não são bem estabelecidos, discute-se a presença de infecções virais e alterações na ingestão de iodo (hoje em dia, a deficiência de iodo é cada vez menos frequente devido ao nosso sal ser iodado, antigamente, a prevalência de hipotireoidismo era muito maior, principalmente nas áreas distantes do mar).

Portanto, sem o devido conhecimento dos fatores ambientais que podem levar aos distúrbios, fica muito difícil prevenir com hábitos de vida, mas manter uma alimentação saudável é prática necessária para evitar diversos outros problemas, como doenças cardiovasculares.

5. Hipotireoidismo pode causar depressão?

mulher com a mão no rosto

É possível que problemas na tireoide gerem sintomas depressivos. Foto: iStock

Sim. Segundo dados da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM), metade dos pacientes com hipotireoidismo apresentam sintomas depressivos e até mesmo depressão, e um terço dos pacientes com depressão têm hipotireoidismo. Os hormônios tireoidianos agem nos sistemas noradrenérgico e serotoninérgico, importantes para o humor. Também afetam áreas do cérebro ligadas à memória, raciocínio, libido e sono.

Texto: Redação Alto Astral

LEIA TAMBÉM:

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.