Machado de Assis: a história e as principais obras do maior escritor brasileiro de todos os tempos

Autor de clássicos como Memórias Póstumas de Brás Cubas e Dom Casmurro, Machado de Assis marcou seu nome na literatura brasileira e mundial

None
Foto: Wikimedia Commons

por Redação Alto Astral
Publicado em 08/09/2016 às 13:44
Atualizado às 18:24

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Romancista, contista, cronista, poeta, teatrólogo e jornalista carioca dos séculos XIX e XX, Machado de Assis é considerado o maior escritor brasileiro de todos os tempos. Devido a sua grandeza literária é estudado por diversos pesquisadores importantes do mundo.

Com Memórias Póstumas de Brás Cubas (1881), Machado de Assis introduziu o realismo na literatura brasileira. Além disso, seus textos mais maduros mostram características inovadoras para a época, como a ironia, a metalinguagem e a quebra da linearidade. Suas obras também são uma análise importante do Brasil no final do Império e início da República.

Conheça as principais obras de Machado de Assis:

Trajetória de Machado de Assis

Machado de Assis publicou seu primeiro texto aos 15 anos. Em 1856, entrou para a Imprensa Nacional como aprendiz de tipógrafo, onde conheceu Manuel Antônio de Almeida, que se tornou seu protetor. Publicou seu primeiro romance, Ressurreição, em 1872. Foi um dos fundadores e o primeiro presidente da Academia Brasileira de Letras. Faleceu em 1908 na cidade do Rio de Janeiro.

LEIA TAMBÉM

Texto: Redação / Edição: Érika Alfaro / Arte: Guilherme Laurente