Jean-Paul Sartre: conheça a história do ícone do existencialismo

Autor de obras como O Ser e O Nada e Crítica da Razão Dialética, Jean-Paul Sartre é considerado o maior filósofo existencialista da história

None
FOTO: Wikimedia Commons

por Redação Alto Astral
Publicado em 08/09/2016 às 14:24
Atualizado às 18:24

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Escritor, filósofo e crítico francês do século XX, Jean-Paul Sartre é considerado o maior filósofo existencialista da história. Sua obra, até os dias atuais, exerce grande influencia em muitos pensadores. Comunista, também acreditava que intelectuais deviam ter uma postura engajada em movimentos sociais.

O Ser e O Nada (1943) é visto como a obra fundamental de seu pensamento filosófico. Também escreveu romances, contos e peças de teatro (como Entre Quatro Paredes e Les Mouches). Dentre seus textos mais famosos, pode-se destacar: Crítica da Razão Dialética (1960), A Idade da Razão (1945)e A Náusea (1938).

sartre filosofo existencialista

FOTO: Wikimedia Commons

Trajetória de Sartre

Órfão de pai com apenas um ano de idade, recebeu uma educação muito rígida do avô materno, de quem herdou o gosto pela escrita e literatura. Estudou na Universidade de Paris, onde conheceu sua companheira do resto da vida, Simone de Beauvoir.

Ao servir o exército, chegou a ser preso pelos alemães na Segunda Guerra Mundial. Foi laureado com o Prêmio Nobel em 1964, mas o recusou por acreditar que nenhum escritor poderia se transformar em uma instituição.

SAIBA MAIS

Conheça a história de Voltaire

Machado de Assis: a história do maior escritor brasileiro de todos os tempos

Goethe: conheça a trajetória e o legado do escritor e pensador alemão

Texto: Redação / Edição: Érika Alfaro / Arte: Guilherme Laurente