Estudo diz que risada tem influência genética. Saiba o porquê!

Segundo um estudo da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, o tamanho do gene 5-HTTLPR pode influenciar na maneira como você dá risada.

None
FOTO: Pressfoto/Freepik

por Redação Alto Astral
Publicado em 04/10/2016 às 13:19
Atualizado às 18:37

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Um estudo na Universidade da Califórnia em Berkeley, nos Estados Unidos, diz que a sua risada pode sim ter influência genética! Isso porque, ao observarem os risos diferentes nas pessoas diante de algumas situações, os pesquisadores concluíram que isso estava ligado a uma diferenciação genética entre os indivíduos.

risada mãe e bebe

FOTO: Pressfoto/Freepik

As pessoas tendem a ter o alelo do gene 5-HTTLPR com tamanhos diferentes, algo que interfere na frequência e no porte da risada. Por isso, cada um tem uma reação, um tom de riso e uma intensidade quando é colocado diante de uma situação engraçada.

Os cientistas chegaram a essa conclusão depois que analisaram 336 voluntários. Aqueles que tinham alelosdo gene 5-HTTLPRbem curtos riram bem mais quando colocados para assistir a um desenho animado, por exemplo. No entanto, aquelas pessoas com alelos maiores riram bem menos.

A experiência comprovou que pessoas com esses alelos mais curtos seriam mais sensíveis aos picos de emoção – por isso, notou-se tanta expressividade.

LEIA TAMBÉM

Texto: Thiago Koguchi Edição: Érica Aguiar