Você sabia que o exorcismo já acontecia antes de Cristo?

Povos antigos já praticavam rituais de esconjuração antes do nascimento de Jesus Cristo

None
Foto: Shutterstock Images

por Redação Alto Astral
Publicado em 04/10/2016 às 16:02
Atualizado às 18:37

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Quase todos os povos, por mais primitivos que fossem, tinham (e ainda têm, no caso de tribos que continuam vivendo isoladas) uma crença na interação entre o mundo dos vivos e dos mortos. Ao mesmo tempo, ao longo da evolução humana, o mal esteve presente de forma incalculável e inesperada – como catástrofes naturais e doenças. Por isso, alguns rituais, como o exorcismo, existem há milhares de anos, antes mesmo do nascimento de Jesus Cristo.

cristo

Foto: Shutterstock Images

Questão de sobrevivência

Enfrentar forças malignas, portanto, sempre foi uma necessidade de adaptação e de sobrevivência. “Para lidar com o mal, ou o ser humano simplesmente o aceita como algo real e inescapável, mantendo uma atitude de resignação, ou lida com ele de modo ativo. Assim, o ser humano foi construindo meios de lidar com algo que lhe é fonte de temor dado o perigo que representa à sua segurança”, explica Wellington Zangari, coordenador do Laboratório de Psicologia Social da Religião do Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo (USP).

Antes mesmo de Cristo

Tribos e até civilizações maiores que viveram muito antes do surgimento do cristianismo já realizavam o que pode-se chamar de exorcismo. O maligno era tido como culpado pelas mais diversas ocorrências, como enfermidades. Para curar uma pessoa, era preciso expulsar o agente ruim. O responsável por essa cerimônia era chamado de xamã, que, entre várias atividades, também protegia contra o ataque do mal. Entre os babilônios, esses “exorcistas” eram chamados de ashipu.

Na antiga região da Mesopotâmia, mais ou menos onde hoje se situa o Iraque, pesquisadores encontraram registros escritos de fórmulas para exorcismo que datam de mais de 4.000 anos. O exorcismo medicinal também é mencionado nos textos sagrados hindus, os Vedas, escritos no primeiro milênio antes de Cristo. Ou seja, provas não faltam de que o ritual de expulsar o demônio do corpo é algo que existia bem antes do advento do cristianismo. Para os povos mesopotâmicos, os demônios eram os grandes causadores dos mais diversos problemas, desde pragas na colheita até doenças, como a diaba Lamashtu, culpada por partos darem errado; e Alû, que tinha como prática atacar as pessoas durante o sono.

LEIA MAIS

Consultoria: Wellington Zangari, coordenador do Inter Psi – Laboratório de Psicologia Anomalística e Processos Psicossociais e do Laboratório de Psicologia Social da Religião do Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo (USP).

Texto: Natália Negretti