Dia do Cinema Brasileiro: 3 filmes para celebrar a data

O cinema brasileiro merece ser muito celebrado nesta data especial; confira alguns dos filmes mais emblemáticos

Confira essa lista com filmes especiais para o cinema brasileiro
Confira essa lista com filmes especiais para o cinema brasileiro - Shutterstock

por Loyane Lapa
Publicado em 19/06/2022 às 09:00
Atualizado às 09:00

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Atenção aos amantes da sétima arte de todo o país: hoje, dia 19 de junho, é Dia do Cinema Brasileiro! E convenhamos, a data merece ser celebrada, afinal de contas, se tem uma coisa boa que o Brasil saber fazer, essa coisa com certeza é cinema de verdade. 

Por isso, que tal reunir a família ou os amigos para curtir essa data junto? Separamos uma lista de filmes brasileiros que vão te deixar com o coração quentinho hoje. Confira:

1. Benzinho (2018)

Não dá para falar de cinema brasileiro sem lembrar do filme “Benzinho”. Apesar de não estar entre os filmes mais comentados do país, esse longa-metragem é repleto de premiações e indicações a prêmios importantes, por conta de sua sensibilidade.

Sua estreia, por exemplo, aconteceu no Sundance Festival e as atrizes Karina Teles e Adriana Esteves receberam o Grande Otelo — prêmio mais importante do cinema brasileiro — por suas atuações como Melhor Atriz e Melhor Atriz Coadjuvante, respectivamente.  

Dentro do enredo do filme, somos apresentados a Irene, uma mulher com quatro filhos e que enfrentou muitas dificuldades na vida. Contudo, logo no início, seu filho mais velho ganha uma bolsa de estudos para jogar handebol na Alemanha, levando essa mãe a lidar com o sentimento de saída prematura do ninho de seu filho. 

2. A Vida Invisível (2019)

Baseado no livro “A vida invisível de Eurídice Gusmão” da escritora Martha Batalha, o longa-metragem também é muito premiado. Sua estreia aconteceu no Festival de Cannes e a obra quase chegou a competir na categoria de Melhor Filme Estrangeiro do Oscar

Dirigido por Karim Aïnouz, essa obra-prima do cinema brasileiro conta a história de duas irmãs, Eurídice e Guida, que eram inseparáveis, mas viviam em um lar conservador. Ambas tinham seus sonhos, até que foram separadas à força pelo pai.

Nesse sentido, ao longo do filme, você acompanha a trajetória das duas irmãs que tentam se reencontrar. Ah, e uma coisa bacana é que o filme se passa na década de 50, então tem aquele toque especial de drama de época! 

3. O ano que meus pais saíram de férias (2006)

Outro filmão do cinema brasileiro que você precisa conhecer é “O ano que meus pais saíram de férias”, dirigido por Cao Hamburger. Isso porque, o filme faz parte dos 100 melhores filmes brasileiros escolhidos pela Associação Brasileira de Críticos de Cinema.

A trama se passa através dos olhos de Mauro, um menino de 12 anos que ama futebol e jogo de botão. Contudo, sua vida muda a partir do momento que seus pais "saem de férias" — analogia utilizada para seus pais, que eram perseguidos politicamente no período de regime militar no Brasil. 

Um detalhe muito interessante é que o filme é semi-autobiográfico. Durante a infância, o diretor do filme passou por uma situação parecida, já que seus pais também foram perseguidos pela Ditadura Militar. Além disso, o filme foi escolhido como o representante do Brasil para o Oscar de 2008, mas não ficou entre os cinco finalistas

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.