RECEITAS

4 formas de usar gengibre nas receitas!

Gengibre estimula o sistema digestivo e é bom contra problemas gástricos, gripes e resfriados. Então, não perca tempo e acrescente o gengibre no seu prato!

None
FOTO: Shutterstock.com

por Redação Alto Astral
Publicado em 27/07/2016 às 09:57
Atualizado às 19:29

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

O gengibre é uma raiz aromática cujo consumo regular estimula o sistema digestivo, ajudando a prevenir e tratar problemas gástricos.

Gengibre e mesa de madeira

FOTO: Shutterstock.com

Gengibre e saúde

Na forma de chás, ajuda a acabar com náuseas e enjoos, mas não aqueles típicos da gravidez. Também é um poderoso aliado contra gripes e resfriados, pois ajuda a descongestionar as vias respiratórias. Mas também tem contraindicações: hipertensos e pessoas com pedras na vesícula devem passar longe da raiz!

SAIBA MAIS

Canela e pimenta turbinam o emagrecimento!

Caldo de batata-doce, cenoura e couve

Manjericão e orégano: conheça as vantagens desses temperos!

Na cozinha

  • Seu sabor picante é muito apreciado nas cozinhas orientais (tailandesa, chinesa e japonesa), onde aparece cru e ralado, ótimo para combinar com sashimi (peixe cru) e outros peixes e frutos do mar.
  • Também fica ótimo se usado em refogados e até misturado com molho de soja para o tempero de carnes e churrascos.
  • Outra dica é utilizar a raiz para aromatizar bebidas, como o tradicional quentão, chás e sucos de frutas (experimente acrescentar um pouco de gengibre fresco ao suco de melancia).
  • Já o tempero seco, em pó, tem uso e sabor completamente diferentes e é bastante usado em receitas indianas. Essa versão também confere ótimo sabor a bolos e biscoitos.

Como consumir e conservar?

O efeito do gengibre é mais forte se ele for consumido cru, em pedaços pequenos, e não em pó. Mantenha um pedaço da raiz dentro de um saquinho plástico fechado, na geladeira ou fora dela, e rale no momento de usar.

Texto: Paula Brait

Fontes: “O livro das ervas, especiarias e pimentas”, de Gabriela Erbetta, editora PubliFolha e “O poder dos alimentos”, nº 1, 2009 – Editora Alto Astral.