O poder do Salmo 40: a força divina atuando em situações de sofrimento

O poder do salmo 40 é evocado nas dificuldades financeiras e também para resolver problemas de doença na família. Confira e fortaleça sua fé!

None
(Foto: iStock Images)

por Redação Alto Astral
Publicado em 11/10/2017 às 09:00
Atualizado às 11:54

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

O poder do salmo 40 permite que o fiel sinta-se perto de Deus e receba as graças e bênçãos quando estiver atravessando dificuldades financeiras, doença na família, houver a necessidade de aprender algo, precisar encontrar palavras adequadas para de safar de alguma situação constrangedora. Agradecer o que se recebe de Deus é a causa da força desse salmo. Um coração cheio de gratidão é capaz dos mais sublimes atos.

Mãos idosas sobre a bíblia em prece ao poder do salmo 40

(Foto: Pixabay.com)

Salmo 40

“Esperei com paciência no Senhor, e ele se inclinou para mim, e ouviu o meu clamor. Tirou-me dum lago horrível, dum charco de lodo, pôs os meus pés sobre uma rocha, firmou os meus passos. E pôs um novo cântico na minha boca, um hino ao nosso Deus; muitos o verão, e temerão, e confiarão no Senhor. Bem-aventurado o homem que põe no senhor a sua confiança, e que não respeita os soberbos nem os que se desviam para a mentira. Muitas são, senhor meu Deus, as maravilhas que tens operado para conosco, e os teus pensamentos não se podem contar diante de ti; se eu os quisera anunciar, e deles falar, são mais do que se podem contar. Sacrifício e oferta não quiseste; os meus ouvidos abriste; holocausto e expiação pelo pecado não reclamaste. Então disse: Eis aqui venho; no rolo do livro de mim está escrito. Deleito-me em fazer a tua vontade, ó Deus meu; sim, a tua lei está dentro do meu coração. Preguei a justiça na grande congregação; eis que não retive os meus lábios, senhor, tu o sabes. Não escondi a tua justiça dentro do meu coração; apregoei a tua fidelidade e a tua salvação. Não escondi da grande congregação a tua benignidade e a tua verdade. Não retires de mim, Senhor, as tuas misericórdias; guardem-me continuamente a tua benignidade e a tua verdade. Porque males sem número me têm rodeado; as minhas iniquidades me prenderam de modo que não posso olhar para cima. São mais numerosas do que os cabelos da minha cabeça; assim desfalece o meu coração. Digna-te, Senhor, livrar-me: Senhor, apressa-te em meu auxílio. Sejam confundidos e envergonhados os que buscam a minha vida para destruí-la; tornem atrás e confundam-se os que me querem mal. Desolados sejam em pago da sua afronta os que me dizem: Ah! Ah! Folguem e alegrem-se em ti os que te buscam; digam constantemente os que amam a tua salvação: Magnificado seja o senhor. Mas eu sou pobre e necessitada; contudo o senhor cuida de mim. Tu és o meu auxílio e o meu libertador; não te detenhas, ó meu Deus.”

O poder do salmo 40

Na leitura diária deste salmo, você poderá expressar a sua eterna gratidão a Deus por ter sido favorecido por Ele. Para tanto, basta reafirmar a sua obediência à Palavra Sagrada e proclamar as suas maravilhas ao mundo e repetir sempre este verso: “Não retires de mim, Senhor, as tuas misericórdias; guardem-me continuamente a tua benignidade e a tua verdade“.

Frase de poder

“Bem-aventurado o homem que põe no Senhor a sua confiança, e que não respeita os soberbos nem os que se desviam para a mentira”.

LEIA TAMBÉM

Consultoria: Ira Pepino

Edição: Thomás Garcia/Colaborador | Design: Camila Silva/Colaboradora

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.