Descubra como plantar e cultivar cebolinha em casa!

Fácil de combinar e com sabor inconfundível, o tempero é ideal para ter em qualquer cantinho da sua casa! Veja como plantar e cultivar cebolinha em casa!

None
É possível cultivas cebolinha em casa FOTO: Shutterstock

por Redação Alto Astral
Publicado em 20/03/2017 às 13:01
Atualizado às 13:38

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Na salada, na omelete, na tapioca e até no arroz do dia a dia ela faz toda a diferença! De nome científico Allium fistulosum, a popular cebolinha faz sucesso como segredo culinário de muita gente na cozinha. Mas você já pensou em tê-la sempre à mão e fresquinha para usar quando quiser? Confira o passo a passo e descubra como plantar e cultivar cebolinha em casa!

A popular cebolinha faz sucesso como segredo culinário de muita gente na cozinha

É possível cultivar cebolinha em casa
FOTO: Shutterstock

Hora de plantar!

Você vai precisar de:

  • Vaso ou espaço no quintal;
  • Escarificador manual, para revolver o solo que tende a ficar compactado com o passar do tempo;
  • Pazinha de jardim, para remover a terra ou até mesmo mudar plantas de canteiro;
  • Tesoura de poda, para a colheita;
  • Regador de crivo fino, para irrigação;
  • Pulverizador manual, para pulverizar as folhas com água em dias secos e eliminar poeira

Informações importantes

Atente-se às dicas a seguir para não errar no momento do plantio!

É possível cultivar cebolinha em casa!

Tenha cebolinha em casa!
FOTO: Gisele Tesser/Colaboradora

Luminosidade:a cebolinha adora sol, mas também se adapta bem em locais onde há períodos de sombra. Em geral, as plantas aromáticas necessitam, em média, de 4 horas de sol direto para que se desenvolvam de maneira saudável.

Umidade: ambientes domésticos costumam ter pouca umidade, por isso, borrife água duas ou três vezes por semana nas folhas.

Irrigação: deve ser realizada no período da manhã, sempre que a superfície do solo estiver secando e, no caso da cebolinha, é indicado manter o substrato levemente úmido.

Poda: no caso dessa erva, é a própria colheita do tempero.

Adubação: é recomendado fazer a cada dois meses. Pode-se usar terra vegetal, esterco de curral ou húmus de minhoca.

Controle de pragas: é importante manter uma distância de, aproximadamente, 20cm entre cada cultivo. Isso evita a infestação de pragas ou doenças.

Texto: Paula Santana

Consultoria: Vinícius Henrique de Souza, técnico agrícola

LEIA TAMBÉM

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.