5 dicas para reduzir as olheiras de forma natural

As olheiras são uma das principais queixas estéticas entre homens e mulheres. Saiba como reduzir o problema!

Mudança de hábitos pode ser o segredo para evitar as manchas na região dos olhos
Mudança de hábitos pode ser o segredo para evitar as manchas na região dos olhos - Shutterstock

por Redação Alto Astral
Publicado em 21/01/2022 às 09:00
Atualizado às 09:00

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Causa de aborrecimento e gasto em produtos de maquiagem, como bases e corretivos, as olheiras estão entre os problemas que vêm afetando homens e mulheres cada dia mais. Isso porque o aumento do estresse e da ansiedade — queixas cada vez mais recorrentes — são algumas das causas para o surgimento (e agravamento) da condição.

Profundas e, muitas vezes, caracterizadas pela coloração roxa, as olheiras podem ser causadas por diversos fatores. “O inchaço sob os olhos em momentos de fadiga podem ocorrer por hereditariedade, retenção de líquidos, alergias, reação a medicamentos ou falta de sono”, explica o cirurgião Marcelo Nascimento.

Contudo, para além das possíveis causas, a maioria das pessoas está interessada mesmo em solucionar o problema. De acordo com o médico, para remover completamente as marcas abaixo dos olhos, é indicada a cirurgia. Marcelo destaca que a mais procurada é a Blefaroplastia (popularmente conhecida como cirurgia das pálpebras), que consiste na retirada da pele da pálpebra superior e das bolsas de gordura ao redor dos olhos, trazendo para o paciente um olhar mais descansado e de aspecto mais jovial. Além disso, outra opção são os preenchimentos, como os de ácido hialurônico, que visam melhorar a sustentação e corrigir imperfeições.

Mas calma! "Existem diferentes tratamentos naturais que ajudam a reduzir significativamente a inflamação e, graças a isso, é possível  esconder esse problema na rotina diária", o médico tranquiliza aqueles que preferem soluções menos invasivas e mais práticas.

Dessa forma, se você prefere tratar as olheiras de forma mais natural e através de pequenas mudanças de hábito, confira abaixo 5 dicas para reduzir as olheiras em casa!

1 - Tenha uma boa noite de sono

A principal recomendação do médico é descansar bem já que uma rotina puxada está diretamente ligada com a formação das olheiras. “O cansaço e o estresse são as principais causas de olheiras. É muito importante  dormir pelo menos 8 horas por dia, sem interrupção e fazer atividades que ajudam a relaxar. Não dando um descanso adequado, as olheiras não vão desaparecer", afirma Marcelo.

2 - Diga adeus ao sal!

O médico explica que o sal é uma das principais causas da retenção de líquidos no organismo. Logo, está diretamente ligado ao aparecimento das olheiras, uma vez que elas podem ser formadas pela grande concentração de vasos sanguíneos na região inferior dos olhos.

3 - Beba água

Não é a primeira vez que "beber água" aparece como dica fundamental por aqui. Afinal, a ingestão de líquido é extremamente benéfica para diversos aspectos do nosso organismo de forma geral.

"Quando se bebe uma boa quantidade de água, o corpo elimina [de modo mais fácil] fluidos e todas as toxinas que podem afetar o seu funcionamento. E, graças a isso, irá reduzir o problema de olheiras e prevenir a sua ocorrência", aponta o cirurgião.

4 - Alimentação assertiva

Se a intenção é reduzir as olheiras, vale adicionar na dieta alimentos diuréticos, como melancia, abacaxi, alface e pepino, já que, durante o processo de digestão, eles ajudam a eliminar os fluidos corporais, atuando de modo semelhante à água.

5 - De olho no skincare! 

Para driblar as olheiras, apostar no skincare e manter a hidratação do rosto em dia pode ser uma boa solução, segundo o médico.

Marcelo explica que "olheiras também podem aparecer por causa do ressecamento ou exposição ao Sol, já que ocorre a destruição das fibras de colágeno e elastina da pele fina ao redor dos olhos”. Portanto, para evitar as marcas, é muito importante cuidar da região!

Fonte: Marcelo Nascimento, médico pós-graduado em Cirurgia Geral pelo Hospital Santa Casa de Misericórdia de Belo Horizonte e em Cirurgia Plástica pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.