Cuide da postura: veja dicas para bordar sem prejudicar a saúde

Se você adora bordar e gasta muito do seu tempo nessa linda atividade, anote algumas dicas sobre postura, iluminação e conforto essenciais para essa hora.

Dor nas costas, postura errada na hora de bordar
Foto Shutterstock

Quem faz garante: bordar é uma delícia! É um ótimo passatempo que, além de prazeroso, ainda rende belos trabalhos! Se você é uma dessas pessoas que adora esse momento e passa muito tempo bordando, confira algumas dicas importantes para sua saúde, afinal, este é um trabalho como qualquer outro e exige, além de concentração, boa postura do corpo e, claro, descanso!

Dor nas costas, postura errada na hora de bordar

Foto Shutterstock

Alongamento

Bordar nada mais é do que uma sequência de movimentos repetidos. Por isso, é muito importante que você se alongue antes de começar. Esfregue o dorso das mãos, abra e feche os dedos, gire os punhos e faça movimentos circulares com os ombros para frente e para trás. Se quiser, faça esse mesmo alongamento após terminar o trabalho.

Conforto

Para não prejudicar sua coluna e, consequentemente, não sentir dores após parar de bordar, trabalhe em um assento confortável e coloque uma almofada sobre o colo para que o bordado fique em um local mais alto e próximo aos seus olhos.

Pausa

Passar horas a fio bordando não é sinal de que o trabalho irá render mais, pelo contrário, o cansaço tomará conta e a qualidade do bordado será prejudicada. Levante-se pelo menos uma vez por hora, sem fazer movimentos bruscos. caminhe um pouco, espreguice e alongue o corpo. Esses intervalos podem durar cerca de 10 ou 15 minutos, o que já faz com que o corpo relaxe.

Iluminação

Procure, em primeiro lugar, escolher um local bem iluminado para bordar. Nunca force a vista no escuro, tentando enxergar os pontos e os buraquinhos da trama.

Posição

Escolha um assento com a altura que você consiga encostar os pés no chão para facilitar a circulação do sangue nas pernas e mantenha a coluna ereta.

LEIA TAMBÉM: