Limão: propriedades fazem dele uma opção para a perda de peso

O limão é antioxidante, antibactericida e efeito alcalinizante. Além disso ainda ajuda a perder peso. Conheça todas as propriedades da fruta!

Rodelas de limão
Foto Shutterstock.com

Qualidade antioxidante, anti-inflamatória, antibactericida, digestiva e efeito alcalinizante. Não são poucas as vantagens se levado em conta o tamanho dessa fruta. E juntas, todas essas ações fazem mais que milagre: vão além do bem-estar e contribuem para um manequim saudável.

 

Rodelas de limão

Foto Shutterstock.com

 

“Não podemos afirmar que ele, isoladamente, pode emagrecer, devido à falta de comprovações científicas”, afirma a nutricionista Laís Coelho. Por isso, tudo bem inserir o limão na dieta, mas aproveite para acrescentá-lo em um cardápio balanceado, em que um alimento complemente a ação do outro.

Está valendo!

Como ainda faltam estudos que relacionem a perda de peso ao limão no organismo humano, não é possível afirmar uma quantidade exata desse alimento para tal finalidade – além disso, cada organismo reage de uma forma, por isso o acompanhamento nutricional é importante! Entretanto, o Guia Alimentar para a População Brasileira destaca que é essencial que haja o consumo de 3 porções de frutas por dia, sendo que uma delas deve pertecer ao grupo das frutas cítricas.

Fuja do açúcar

Ele é azedinho sim, mas se isso incomoda muito é porque seu paladar pode estar viciado em doces. Calma, não se assuste, é possível reverter! Uma forma de diminuir a necessidade de adoçar tudo – inclusive o suco de limão – é reduzir os produtos industrializados (que contêm muito açúcar), refrigerantes e néctares de frutas e aos poucos, maneirar ao adoçar qualquer bebida – do café ao suco. Com o tempo, você vai se habituar ao sabor do limão e, aí, vai aproveitar ainda mais as vantagens da fruta.

Limão casca grossa!

Sabe aquela ansiedade que gera a compulsão alimentar? Através da ação do d-limoneno, um óleo essencial presente na casca do limão, o alimento também pode ajudar a controlar esse problema. Por isso, sempre que possível, aproveite para utilizar a casca da fruta nas receitas. Mas não espere muito para consumir, pois a casca tende a oxidar mais facilmente, resultando em um sabor amargo.

 

LEIA TAMBÉM:

Xô, gordurinhas!

Entre as frutas cítricas, o limão é a que mais contém ácido cítrico (cerca de 6% do suco). A substância é adstringente, ou seja, facilita a digestão e a eliminação de gorduras. E tem mais: ela ainda resulta na ação antisséptica, sendo responsável por reduzir a formação de gases e a barriguinha indesejada – aquela de sensação de estufamento!

 

Texto: Redação Alto Astral

Consultoria: Laís Coelho, nutricionista