Livre-se das acnes por meio de um tratamento ortomolecular feito com argila!

Você sabia que a acne pode afetar os adultos? Portanto, para combater esse problema, aposte em um tratamento ortomolecular que traz muitos benefícios!

None
As acnes podem deixar a pele marcada. FOTO: shutterstock.com

por Redação Alto Astral
Publicado em 17/12/2017 às 11:00
Atualizado às 11:00

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Apesar de ser o terror do adolescentes, as espinhas também podem atingir os adultos, sabia? Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), a acne afeta 56,4% da população adulta. Além disso, é o motivo que mais leva pessoas a buscarem tratamentos de pele. A acne surge por causa da proliferação da bactéria Propionibabacteterium Acnes, que se alimenta da secreção produzida pelas glândulas sebáceas da nossa pele. Essa bactéria promove a inflamação dos folículos pilosos, causando lesões comumente conhecidas como “espinhas”. Mas é claro que o estado da pele (influenciado por fatores internos e externos) é determinante para o surgimento desse problema. Por exemplo, a pele seca é o tipo que requer mais cuidados, pois é muito propensa a descamação, vermelhidão, rugas e fissuras. Em relação à acne, a pele oleosa é a que tem maior tendência a sofrer com isso, pois seus poros são mais dilatados, apresentando um aspecto brilhante e úmido. Abaixo, você conhece um tratamento ortomolecular que apresenta excelentes resultados no combate à acne.

Tratamento ortomolecular

Alguns cuidados básicos com a pele são essenciais para o não aparecimento de acnes: usar diariamente um bom sabonete de limpeza, de preferência com ativos para tratamento das espinhas, nunca dormir com maquiagem, trocar a fronha de cama duas vezes por semana e ainda manter uma dieta saudável, evitando o consumo de alimentos industrializados, açúcares e refrigerantes. Porém, às vezes, mesmo com esses hábitos saudáveis, é possível sofrer com acnes e não somente na puberdade, mas também na fase adulta. Como o problema atinge um número significativo de pessoas, cada vez mais avançam pesquisas que possam desenvolver tratamentos mais eficazes.

A argila faz maravilhas para a pele. FOTO: Shutterstock.com

O sabonete de argila, por exemplo, é um tratamento ortomolecular promovido exclusivamente pela  Bothanica Mineral®  que, além da função de nutrir e ser um hidratante para a pele, também ajuda a desintoxicar e a tonificar o organismo. Ele é encontrado nas versões:

  • Argila branca: é indicada para peles sensíveis e desidratadas. Contém maior percentual em alumínio e zinco, que ajudam na cicatrização da acne. Tem ação cicatrizante e suavizante, ajudando a clarear as manchas que surgem após a acne.
  • Argila vermelha: é recomendada para pele maduras, pois, por ser muito rica em minerais, promove a nutrição, renovação e oxigenação da pele.
  • Argila preta: conhecida também como lama vulcânica, é muito utilizada para a desintoxicação e renovação da pele, principalmente as oleosas e com acnes. Possui baixo percentual de ferro e alto teor de alumínio e silício, o que a configura como um excelente agente rejuvenescedor.

“A argila empresta seus minerais ao rosto e ao corpo e também promove um detox, purificando, nutrindo e revigorando a pele. A cor da argila revela qual é o mineral predominante em sua composição, no entanto, todas as argilas têm, de modo geral, as mesmas funções de desintoxicação e tonificação do organismo”, afirma a fisioterapeuta e pós-graduada em dermatofuncional, Michelle Cordeiro Sanz.

O sabonete de argila é indicado para qualquer tipo de pele e não tem contraindicações, podendo ser utilizado durante o ano inteiro, independentemente da estação. Além de ajudar a combater a acne, também promove uma esfoliação natural, absorve toxinas e impurezas, diminui a oleosidade da pele e cabelos, elimina bactérias, tem efeito calmante e ainda estimula a desintoxicação metabólica capilar, facial e corporal.

Fonte: Michelle Cordeiro Sanz, fisioterapeuta e pós-graduada em dermatofuncional

Leia também:

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.