ESTILO DE VIDA

Sedentarismo: um grande problema do século XXI

O sedentarismo é um grande problema, pois dessa atitude pode surgir inúmeras doenças graves, como a obesidade. Confira como fugir desse problema!

None
Foto Istock.com/getty images

por Redação Alto Astral
Publicado em 11/10/2016 às 19:38
Atualizado às 20:55

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Você é daquelas mulheres que prefere ficar no sofá em vez de sair para caminhar, que não se levanta nem para mudar o canal da TV e que adora passar horas em frente ao computador? Se sua resposta for sim, muito cuidado! Essas atitudes podem ser mais prejudiciais do que imagina.

mulheres fazendo exercício físico

Foto Istock.com/getty images

Sedentarismo é o nome que se dá a total falta de exercícios físicos. Ele está nos dias de hoje entre os grandes vilões do bem-estar e, além de causar a obesidade, resulta também numa maior propensão para doenças cardiovasculares, como explica o médico cardiologista Alexandre Alessi. “O sedentarismo faz com que a pessoa tenha maior risco de ter doenças, como infarto do miocárdio e acidente vascular cerebral”, diz. Porém, antes de iniciar simples exercícios como por exemplo, caminhada, é preciso consultar um especialista, que irá determinar o quanto a pessoa pode esforçar-se.

  • Dica 1: Faça uma avaliação médica antes de começar qualquer tipo de atividade.
  • Dica 2: Não exija mais do que o seu corpo pode aguentar.
  • Dica 3: Se não quiser ou não puder frequentar um ginásio, chame as suas amigas e faça caminhadas.
  • Dica 4: Escolha uma atividade que lhe dê prazer e pratique-a pelo menos 30 min., de três a cinco vezes por semana.

Leia também:

Consultoria Alexandre Alessi, cardiologista