ESTILO DE VIDA

Confira os benefícios do gengibre para o coração

Além de atuar como grande parceiro do sistema cardiovascular, o gengibre é responsável por nutrientes essenciais para o organismo.

None
Foto shutterstock.com

por Redação Alto Astral
Publicado em 15/08/2016 às 20:27
Atualizado às 21:00

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Além de ser saboroso e contribuir para a perda dos quilos extras, o gengibre também possui substâncias que atuam sobre o sistema cardiovascular, o que faz do alimento uma raiz completa.

Copo de chá de gengibre

Foto shutterstock.com

O poder de o gengibre nutrir o coração nada mais é do que ingerir os alimentos certos para que o sangue leve consigo os nutrientes essenciais para a saúde por todo o corpo, e é aí que o gengibre entra em cena. As inúmeras propriedades antioxidantes do gengibre, responsáveis por combater os radicais livres – agentes responsáveis pelo envelhecimento celular – auxiliam o coração. Isso porque o gingerol (que está presente nele em abundância), conta com um alto poder antioxidativo e anti-inflamatório, o que proporciona a melhora do fluxo sanguíneo e a protege a saúde das veias e artérias.

Grupos de alimentos essenciais!

Pão, milho, azeite

Foto iStock.com/getty images

Fibras solúveis e insolúveis: presentes principalmente em alimentos integrais e em frutas, elas são responsáveis por promover a sensação de saciedade, regular o intestino e reduzir as taxas de LDL (conhecido como o mau colesterol) no organismo, o que faz um grande bem ao coração.

Minerais: o cálcio, o potássio e o magnésio, por exemplo, são ótimos amigos do coração, já que atuam no controle da frequência cardíaca, além de trazer outros benefícios para todo o organismo.

Peixe grelhado, limão, folhas de alecrim

iStock.com/ getty images

Ômega-3: conhecido como “gordura do bem”, ele é encontrado em peixes de águas frias – como sardinha, salmão e arenque -, oleaginosas e até mesmo em fontes vegetais, como a chia. “O ômega-3 protege contra infartos, tem ação anti-inflamatória, estimula o sistema imunológico, reduz a formação de coágulos sanguíneos, aumenta o nível de HDL (colesterol bom), reduz a taxa de triglicerídeos e protege as artérias contra o acúmulo de placas de gordura”, completa Tamara.

Laranja

Foto istock.com/getty images

Vitaminas: as do complexo B – cujas principais fontes são legumes, hortaliças e cereais integrais, além de alguns peixes e carnes – são importantes protetoras dos vasos sanguíneos, já que evitam a formação de coágulos que podem prejudicar a circulação do sangue. Já as vitaminas C e E – encontradas em maioria nas frutas cítricas – são importantes antioxidantes, atuando contra o excesso de LDL e radicais livres no organismo.

Saiba mais:

4 dicas para domar o apetite e não passar fome!

Dietas rápidas são boas para emagrecer?

Qual o chá ideal para cada idade?

Consultoria Tamara Mazaracki, nutricionista