ESTILO DE VIDA

Descubra como o açaí age na proteção contra doenças!

Para quem ama açaí e desconhece seus benefícios, fique atento, pois ele pode ser importante na prevenção de doenças do coração e até mesmo do câncer.

None
Foto iStock.com / getty images

por Redação Alto Astral
Publicado em 10/08/2016 às 23:59
Atualizado às 21:00

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

O açaí possui inúmeros benefícios por conta da sua propriedade. Ele é formado por ferro, cálcio, potássio, ômega 6, vitaminas B1, C e E) fibras e antocianinas. Estas últimas,  são responsáveis por dar a cor arroxeada da fruta e ajudam na prevenção do envelhecimento das células e dos órgãos, por causa de sua função antioxidante. Além disso, seu consumo também pode reduzir o aparecimento de células cancerígenas, graças à presença do ácido oleico.

Açaí na tigela

Foto iStock.com / getty images

Contra o câncer

Cientistas da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) descobriram que o açaí pode fazer parte da prevenção do câncerde mama. Segundo os pesquisadores, isso é possível pois a fruta contém uma grande quantidade de antocianina, que dá coloração roxa, e ácidos graxos, também chamados de gorduras boas. “A antocianina já é conhecida como um poderoso antioxidante. Doenças como o câncer acontecem em ambientes carentes de oxigenação e carregados de radicais livres. Substâncias antioxidantes agem combatendo os radicais livres”, diz a nutróloga Alice Amaral.

Coração mais resistente!

Os polifenóis, principalmente os flavonóides, são fitoquímicos antioxidantes poderosos que neutralizam os radicais livres. O excesso de radicais livres podem causar lesão nos vasos sanguíneos e aumento da inflamação, sendo um dos principais fatores de risco para doenças cardiovasculares. “O açaí auxilia na produção de óxido nítrico e vasodilatação, o que promove benefícios na circulação sanguínea”, diz o nutricionista Leandro Kuroda.

Açaí, cesto de açaí

Foto iStock.com / getty images

Intestino solto

O açaí também é rico em fibras, que são fundamentais para um bom funcionamento intestinal, promovendo uma detoxificação natural. Além disso, sua polpa tem a capacidade de reduzir os efeitos negativos de uma dieta rica em gordura, graças ao ácido oleico, que auxilia a passagem dos lipídios através das membranas celulares.

Saiba mais: 

Sofre de insônia? Pratique exercícios!

7 hábitos saudáveis que ajudam a emagrecer

6 terapias alternativas que ajudam no tratamento do AVC

Consultoria Alice Amaral, médica especialista em Nutrologia e Medicina do Exercício e Esporte;  Leandro Kuroda, nutricionista