ESTILO DE VIDA

Gema de ovo equilibra a tireoide e melhora o funcionamento da glândula

Existem vários alimentos que ajudam na manutenção da saúde e afasta doenças. A gema de ovo equilibra a tireoide e, com isso, é uma aliada do organismo.

None
O consumo de gema de ovo equilibra a tireoide, mas é preciso procurar tratamento específico para possíveis problemas na glândula. Foto Shutterstock

por Redação Alto Astral
Publicado em 26/06/2017 às 13:08
Atualizado às 12:15

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

A tireoide é uma das glândulas que formam o sistema endócrino, responsável por algumas das mais importantes funções no organismo. “A glândula tem a forma de uma borboleta e está localizada na região do pescoço. Sua função é produzir os hormônios que controlam a velocidade com que quase todas as células do organismo funcionam, ou seja, influencia todo o metabolismo do corpo”, explica o geriatra Jorge Jamili. Para garantir que a glândula trabalhe de direito, é possível contar com a alimentação. Por exemplo: a gema de ovo equilibra a tireoide e melhora o seu funcionamento. Vem saber mais!

O poder da alimentação

“Entre as principais causas de problemas do funcionamento dessa glândula está uma dieta desregulada, carente no consumo de iodo, além de outros nutrientes, como o selênio e o zinco”, explica a nutróloga Paula Cabral. O iodo é um mineral que serve como combustível para a formação do hormônio da tireoide, juntamente com o selênio e o zinco.

Tudo isso se deve a uma questão hormonal: os hormônios produzidos pela tireoide (T3 e T4) são responsáveis pelo bom funcionamento do sistema metabólico, o que implica diretamente em diversas funções corporais. Sendo assim, a alimentação inadequada pode influenciar diretamente na produção desses hormônios, o que pode resultar nos mais variados incômodos na vida de quem sofre com o problema.

A gema de ovo equilibra a tireoide e pode ser consumida como forma de conquistar saúde.

A gema de ovo equilibra a tireoide e pode ser consumida como forma de conquistar saúde. Foto iStock.com/Getty Images

Qual o papel da gema de ovo?

O famoso ingrediente dos omeletes oferece benefícios à tireoide, por conter pequenas quantidades de iodo. Mas, atenção! É preciso utilizá-lo em opções saudáveis, já que a versão frita pode substituir as qualidades por verdadeiros problemas à saúde. Quer mais opções para proteger a glândula? Confira três alimentos eficazes!

Algas marinhas: no caso do hipotireoidismo, o iodo é um mineral essencial para o bom funcionamento da tireoide, já que é escasso da saúde dos portadores deste distúrbio. As algas marinhas são grandes detentoras deste nutriente, além de fornecerem também à saúde fitoquímicos capazes de inibir o crescimento acelerados das células, prevenindo assim alguns tipos de tumores.

Leite: além do iodo, ele também é rico em cálcio e vitamina A, nutrientes que beneficiam a saúde em vários aspectos. A versão desnatada é a mais recomendada pelos nutricionistas por conter uma quantidade menor de gorduras. São muitas as opções para inserir o leite no cardápio: alguns exemplos são o iogurte (que auxilia no bom funcionamento do intestino) e o queijo branco, que é a versão mais saudável em termos nutricionais.

Laranja: conhecida pelo alto teor de vitamina C, ela é um poderoso antioxidante natural. A presença de carotenoides também influencia no bom funcionamento da tireoide, portanto, consumir uma unidade da fruta in natura por dia já trará bons resultados.

LEIA TAMBÉM: