Aprenda como preparar os vegetais mantendo seus nutrientes

Dependendo do modo de preparo, muitos nutrientes podem ser perdidos. Confira qual a melhor forma de preparo e garanta todas as vantagens dos alimentos.

None
Foto: iStock

por Redação Alto Astral
Publicado em 30/03/2017 às 13:08
Atualizado às 13:40

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Os vegetais são ricos em vitaminas e nutrientes e trazem inúmeros benefícios à saúde em geral, mas dependendo do modo de preparo, muitos desses nutrientes podem ser perdidos. Por isso, os cuidados devem ser tomados desde a higienização até o cozimento. Confira qual a melhor forma de preparo e garanta todas as vantagens dos alimentos.

carinho de supermercado com alimentos

O modo de preparo dos alimentos influencia na quantidade de nutrientes. Foto: iStock.com/Getty Images

Como fazer?

O modo de preparo mais indicado para a preservação de todos os ingredientes é o cozimento a vapor. “Além de preservar as vitaminas, as fibras se mantêm mais íntegras, e o alimento com uma textura mais crocante. A cor também fica mais viva quando comparada com aqueles que são cozidos sob imersão, tornando o prato mais atrativo”, explica a nutricionista Stefania Valente.

Ao cozer os vegetais em água, grande parte dos nutrientes são perdidos: os carotenoides, em especial o betacaroteno, são os mais prejudicados. Além deles, a quantidade de vitamina B9, C e fibras é consideravelmente diminuída. Mas, apesar dessa redução, outra parte das vitaminas permanecem no alimento. Se for cozinhar legumes em água ao invés do vapor, é possível aproveitá-la para a preparação de outros pratos, assim, os nutrientes serão transferidos para outra receita.

Dicas para o dia a dia

Apesar de serem muito lembrados quando o assunto é emagrecimento e dietas restritivas, os vegetais devem ser consumidos diariamente por uma questão, sobretudo, de saúde. “Eles estimulam o funcionamento do aparelho digestivo, contêm antioxidantes que combatem os radicais livres (causam o envelhecimento precoce, por exemplo) e colaboram para a saúde dos olhos, ossos, coração e pele”, indica a nutróloga e médica ortomolecular Tamara Mazaracki. A seguir, veja dicas para desfrutar de todos esses benefícios.

  1. Compre e já higienize. O preparo torna-se mais prático – principalmente para quem não dispõe de muito tempo para aprontar as refeições.
  2. Varie! Existem diversas opções de sabores. Apostar sempre no mesmo pode fazer com que a pessoa enjoe e busque opções mais calóricas.
  3. Congele. Assim, é possível guardar legumes que são encontrados mais facilmente em determinada estação e simplificar o preparo. Não se esqueça de tomar alguns cuidados como congelar ingredientes frescos e conferir se não estragaram.

Texto Barbara Gatti/Colaboradora

Consultoria Stefania Valente, nutricionista

LEIA TAMBÉM:

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.